CURSOS ONLINE GRÁTIS NA COMPRA DE UM DOS 1400 CURSOS ONLINE

Projeto Político Pedagógico na Educação Infantil

Artigo por Emileide Lucineia da Costa - quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Tamanho do texto: A A

Projeto Político Pedagógico na Educação Infantil
Projeto Político Pedagógico na Educação Infantil
A educação infantil é a primeira etapa da educação básica atendendo crianças de 0 á 5 anos de idade.

A Constituição Federal de 1988 e o Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA, Lei 8069/1990, garantem a titularidade do direito ao atendimento em creches ou pré-escolas às crianças, sendo que, independente da denominação dos estabelecimentos, é responsabilidade destes oferecer cuidado e educação, de forma intencional e sistemática.

Mas, para este atendimento é necessário que a instituição possua autorização para funcionamento além do planejamento global de sua ação, o chamado projeto político pedagógico.

Neste caso, projeto político pedagógico para educação infantil. Assim diz Vasconcellos, este documento é:

“(...) um instrumento teórico-metodológico que visa ajudar a enfrentar os desafios do cotidiano da escola, só que de forma refletida, consciente, sistematizada, orgânica, científica, e, o que é essencial, participativa. É uma metodologia de trabalho que possibilita ressignificar a ação de todos os agentes da escola”. (1995:143)

São itens que compõem o projeto politico pedagógico: sumário, identificação, introdução, apresentação da escola ou histórico, diagnóstico, fundamentos filosóficos, sociais, pedagógicos, planejamento, ação educativa, registros, ambiente físico, equipe escolar e referências bibliográficas.

Fica dica aos pais que estão a procura de uma instituição escolar, para os filhos que se atentem a proposta da escola, além de outras informações como autorizações e estrutura física.

Referências:
Fonte <http://www2.portoalegre.rs.gov.br/smed/default.php?p_secao=29> acesso em 20/01/2012

VASCONCELOS, Celso dos S. Planejamento: plano de ensino-aprendizagem e Projeto Educativo. São Paulo, Libertad, 1995.

CreativeCommons

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Portal Educação.

Comentários


colunista

Emileide Lucineia da Costa

Possui graduação em Pedagogia pela Anhanguera - UNAES (2006), Especialização em Educação a distância pelo SENAC/MS(2010) e está cursando pós graduação em Psicopedagogia pelo Portal Educação/UCDB. Atualmente é Tutora em EaD de cursos livres e pós-graduação.