Ácidos graxos Ômega 3

Ácidos graxos Ômega 3
NUTRICAO

Os principais ácidos graxos da família ômega-3 são: α-linolênico (18:3), o ácido docosaexaenoico DHA (22:6) e o ácido eicosapentaenoico EPA (20:5), sendo que os dois últimos são sintetizados no homem a partir do α-linolênico.

Principais fontes

EPA E DHA: peixes de água fria e no óleo de peixe.
ácido α-linolênico: sementes de linhaça, vegetais folhosos de coloração verde-escuro, óleos vegetais, como o de oliva, soja e canola.

Ácidos graxos ômega 3 e doenças cardiovasculares

Com relação à saúde cardiovascular, destaque especial tem-se dado ao ácido eicosapentaenoico, o EPA. E os principais mecanismos envolvidos na proteção do sistema cardiovascular pelo EPA são:

Propriedades anti-inflamatórias: o EPA compete com o ácido araquidônico na síntese de eicosanoides, favorecendo a síntese de eicosanoides da série 3 e 5 (TXA3, PGG3, PGH3, LTB5), que possuem um menor potencial inflamatório, reduzindo, assim, a quimiotaxia de leucócitos. (PIMENTEL et al., 2005).

Inibição da agregação plaquetária: inibindo a agregação plaquetária, os ácidos graxos da família ômega-3 reduzem a formação de trombos, processo conhecido como aterotrombose, que é um dos principais determinantes das manifestações clínicas da aterosclerose. (MANCINI-FILHO, 2010).

Alteração do perfil lipídico: no fígado, inibem a síntese de triglicerídeos, reduzem a síntese de lipoproteínas de baixa densidade (LDL) de maior tamanho, que são consideradas aterogênicas e estimulam o transporte reverso do colesterol, favorecendo sua captação pelo fígado e sua eliminação pela via biliar. (MANCINI-FILHO, 2010).

Segundo trabalho publicado em 2005 (KONIG et al., 2005), o consumo de quantidade pequenas de peixes (1 porção de 100g ou 0,14g de ômega 3 por mês) foi capaz de reduzir em 17% o risco de mortalidade por doenças cardíacas e cada acréscimo de 1 porção por semana levou à redução adicional de 3,9% do risco.

A ingestão de pequenas quantidades de peixe também foi associada à redução de 27% no risco de infartos não fatais, porém, porções adicionais não conferiram maior benefício.

Colunista Portal - Educação
O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER