Inovar é preciso

Inovar é preciso
LIDERANCA

Ao pensar em inovação, é comum nos vir à mente grandes adventos científicos e tecnológicos. Automóvel, avião, telefone, televisão, computador, Internet, smartphones, clonagem de embriões, biotecnologia, nanotecnologia, e por aí vai.

Porém, para inovar, não é necessário causar grandes revoluções na humanidade. De pequenas e simples modificações e melhorias também podem surgir grandes inovações. Inovação nem sempre requer grandes investimentos, recursos tecnológicos, estudos aprofundados que podem durar anos, ebulições criativas ou genialidade.

Basta um olhar diferente sobre o que nos cerca, basta sair da posição cômoda do “sempre fizemos assim” para a questão instigante do “como podemos fazer melhor?”.

Mudanças ocorrerão, independentemente de virem por um impulso interno, ou estimuladas por fatores externos. A diferença está em ser agente ou reagente a elas. Estar na primeira situação, antecipando-se às mutações, pode determinar resultados de sucesso, mediocridade ou fracasso.

O olhar inovador é um exercício que pode e deve ser praticado por todos, diariamente. Em um cenário em que a imprevisibilidade pode trazer mudanças na dinâmica cotidiana, só resta uma certeza: inovar é preciso, esperar as mudanças é arriscado.

Mais que uma questão científico-tecnológica, inovar é uma atitude, e incorporá-la à rotina é a grande escolha a se fazer.

 

Cristiane Zaninelli
Gestora de Projetos com 16 anos de atuação na área de marketing,relacionamento com cliente, planejamento de comunicação, inteligência de mercado, gestão da inovação, desenvolvimento de novos produtos e negócios. Graduada em Marketing, com especialização em Gestão de Projetos e MBA Internacional em Gestão Estratégica da Inovação.
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER