Tales de Mileto e a Eletricidade

Tales de Mileto e a Eletricidade
PEDAGOGIA
Tales de Mileto, filósofo grego, viveu entre 624 e 546 a.C. Partindo de um pensamento racional, ele observava as coisas (natureza) procurando uma explicação de suas origens, deixando de lado o misticismo fluente da época, no qual os filósofos explicavam suas observações da natureza invocando os deuses.

Tales tinha como pressuposto que a origem de todas as coisas era explicada pela água. Acreditava nesse conceito, pois observou que tudo necessita de água: os seres vivos, as plantas, etc.

Como matemático, especificamente na área da geometria, ele calculou a altura de uma pirâmide a partir do comprimento de sua sombra. Já para a astronomia, de acordo com o historiador Heródoto, Tales previu um eclipse solar em 585 a.C.

Sua contribuição para a eletricidade foi através do atrito de âmbar (Em grego significa elektron.) com pele de animal. Ele observou que após o atrito a pedra atraía objetos leves e secos, como pedacinhos de palhas de milho.

Porém não deram tanta importância a sua descoberta. Mas foi a partir do âmbar que surgiu o nome eletricidade.

Colunista Portal - Educação
O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER