Origem do Risoto

Origem do Risoto
CULINARIA
O risoto mais famoso da Itália, “RISOTTO ALLA MILANESE”, foi criado em Milão, no ano de 1574, pelas mãos do mestre Valério de Fiandra, responsável pelos vitrais da catedral Duomo di Milano.

Existem muitas lendas sobre as formas em que esse risoto foi criado. Uns dizem que o mestre Valério, por ciúmes da filha, deixou cair um pedaço de açafrão no risoto, durante os preparativos do casamento dela. Assim, sua intenção seria estragar o almoço da festa.

Outros acreditam que o mestre Valério usava o açafrão em seus vitrais para criar uma pigmentação amarelada, e num pequeno descuido, durante o intervalo para almoço, deixou cair um pouco de pigmento em sua comida, criando o risoto.

Outros, ainda, pensam que o mestre Valério atormentava seu principal aluno de arquitetura, porque ele gostar de trabalhar com pigmentos de açafrão. Como reação, para pregar uma peça, o aluno subornou um cozinheiro para que colocasse o produto no risoto do casamento da filha de seu mestre, deixando o arroz com a cor amarela. A brincadeira deu bom resultado, e os convidados adoraram a novidade.

Independente de qual história seja verdadeira, nascia, nesse momento, o mais tradicional de todos os risotos.


Como chegou ao Brasil?

O risoto chegou ao Brasil em meados do século XIX, trazido por imigrantes italianos. Como os brasileiros são extremamente criativos, o prato foi ganhando ingredientes próprios, como: carnes, crustáceos, frango, pato, queijos, etc. No entanto, até a década de 80, o risoto comum, no Brasil, era chamado de “arroz de forno”, já que os imigrantes italianos tinham o costume de reaproveitar as sobras das refeições, servindo-as apenas como acompanhamento.

De alguns anos recentes, o risoto assumiu papel de prato principal, embora em poucos restaurantes.

Colunista Portal - Educação
O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER