À administração em fisioterapia: Introdução

À administração em fisioterapia: Introdução
FISIOTERAPIA
Há tempo o Fisioterapeuta deixou de ser um simples técnico de saúde para assumir um papel de profissional multidisciplinar, ostentando funções e cargos de chefia, coordenação e supervisão.

Contudo, para que possa exercer suas atividades de forma plena e com qualidade se faz necessário conhecimento mínimo no campo da administração. Neste sentido, um estudo dirigido que tenha como finalidade fornecer conhecimentos sobre os princípios da administração e que os relacione com o profissional de Fisioterapia torna-se relevante.

O presente estudo dirigido tem como objetivo apresentar base teórica sustentável, clara e objetiva, sobre os princípios, funções e teorias administrativas; administração de pessoal em Fisioterapia; terceirização e cooperativismo em fisioterapia; qualidade de vida no trabalho; conhecimento e educação continuada em Fisioterapia; código de ética profissional do Fisioterapeuta e implementação de um serviço de fisioterapia.

Aspectos relevantes sobre a história do trabalho, o surgimento da organização e a administração enquanto ciência será abordada, assim como as principais habilidades e competências do administrador.

O fisioterapeuta do século XXI


Com a globalização, a evolução tecnológica se apresentando numa velocidade cada vez mais acelerada e com todas as exigências impostas pelo mercado de trabalho atual, se faz necessário que o profissional deste século esteja aberto a novos saberes.

Além da aptidão técnica, outras competências são exigidas e o profissional que pretende manter-se habilitado deve estar atento a todas essas mudanças.

A simples graduação passa a não significar, necessariamente, uma garantia de emprego e sucesso profissional, e as competências técnicas deverão estar associadas à capacidade de decisão, comunicação, resiliência, proatividade, liderança, percepção, assertividade, criatividade e empreendedorismo.

A regulamentação da profissão de fisioterapia


No Brasil, a profissão de fisioterapia foi regulamentada em 13 de outubro de 1969, pelo Decreto-lei número 938/69, lei 6.316/75, que a definiu como profissão de nível superior, cabendo ao fisioterapeuta, de forma privativa, a realização de métodos e técnicas fisioterápicas com a finalidade de restaurar, desenvolver e conservar a capacidade física do cliente.

A Junta serviço Militar que governava o país naquele ano, ao assinar o Decreto-lei, regulamentou o exercício das profissões de Fisioterapeuta e de Terapeuta Ocupacional, definindo as respectivas áreas de atuação e formação. O exercício profissional do Fisioterapeuta tornou-se, então, exclusividade de fisioterapeutas formados em cursos superiores.


A fisioterapia trata-se de uma ciência aplicada, que tem como objeto de estudo o movimento humano em todas as suas formas de expressão e potencialidades, tanto nas alterações patológicas quanto nas repercussões psíquicas e orgânicas. Tem como objetivo preservar, manter preventivamente, desenvolver ou restaurar a integridade de órgãos, sistema e função.

Portanto, apresenta uma missão primordial de cooperação, mediante a nova realidade que se apresenta, por meio da aplicação de recursos terapêuticos físicos, na prevenção, abolição ou melhora de estados patológicos do homem, na promoção e educação em saúde.

Resolução coffito 10 de 22 de setembro de 1976


Apesar da regulamentação já concretizada, foi somente em setembro de 1978 que o presidente do conselho Federal de Fisioterapia (COFFITO), no exercício de suas atribuições, aprovou o código de ética profissional do Fisioterapeuta que será apresentado no módulo IV desta apostila.

Colunista Portal - Educação
O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER