O processo de comunicação

O processo de comunicação
ADMINISTRACAO
A comunicação é frequentemente definida como a troca de informações entre um transmissor e um receptor, e a inferência (percepção) do significado entre os indivíduos envolvidos.

O processo de comunicação ocorre quando o emissor (ou codificador) emite uma mensagem (ou sinal) ao receptor (ou decodificador), através de um canal (ou meio). O receptor interpretará a mensagem que pode ter chegado até ele com algum tipo de barreira (ruído, bloqueio, filtragem) e, a partir daí, dará o feedback ou resposta, completando o processo de comunicação.

A palavra comunicar vem do latim comunicare com significado de pôr em comum. É a forma que encontramos para expressar nossos sentimentos, idéias e ações. Para que se estabeleça o processo de comunicação é necessário a existência de elementos básicos.

Toda comunicação humana tem uma fonte: uma pessoa ou um grupo de pessoas com um objetivo. Estabelecida uma origem, com idéias, necessidades, intenções, informações e um objetivo a comunicar, torna-se necessário o segundo elemento. O objetivo da fonte tem de ser expresso em forma de mensagem.

Na comunicação humana, a mensagem pode ser transmitida através de símbolos, tais como palavras, escritas, desenhos e assim por diante, ou a troca de comportamentos, tais como gestos, constato visual, linguagem corporal e outros atos não-verbais. Em muitos casos estão presentes os dois, tanto os símbolos quanto os comportamentos. A chave é o entendimento desses símbolos e comportamentos.

Os objetivos da fonte são traduzidos num código através do terceiro elemento, o codificador, responsável por pegar as ideias da fonte e pô-las num código, exprimindo o objetivo da fonte em forma de mensagem. Na comunicação de pessoa para pessoa, a função codificadora é executada pelas habilidades motoras da fonte, seu mecanismo vocal (que produz a palavra oral, gritos, notas musicais, etc.), o sistema muscular da mão (que produz a palavra escrita, desenhos etc.), os sistemas musculares de outras partes do corpo (que produzem os gestos da face e dos braços, a postura, etc.).

Quando falamos sobre situações de comunicação mais complexa, é comum separarmos a fonte do codificador. Por exemplo, podemos considerar um gerente de vendas como fonte e os vendedores como codificadores, pessoas que produzem mensagens para o consumidor, traduzindo as intenções ou objetivos do gerente.

O quarto elemento é o canal. O canal é o intermediário, o condutor de mensagens. A escolha dos canais é muitas vezes fator importante para a eficácia da comunicação.

O quinto elemento é o recebedor, o alvo da comunicação. Se falamos, alguém deve ouvir, quando escrevemos, alguém deve ler. Para haver comunicação, deve haver alguém na outra ponta do canal.

Temos agora todos os elementos da comunicação, exceto um. Assim como a fonte precisa do codificador para traduzir seu objetivo em forma de mensagens, para expressar seu objetivo num código, o receptor precisa do decodificador para decifrar a mensagem e pô-la em forma que possa usar.

Para a comunicação atingir os objetivos devemos considerar alguns cuidados, com eles diminuímos o risco de estabelecer ruídos ou barreiras à comunicação.


Para Transmissão

• Seja o mais objetivo possível.
• Tenha paciência. Fale pausadamente. Observe o ritmo do outro e siga-o.
• Estude primeiro o que vai falar. Cuide para ter um objetivo claro.
• Procure adaptar sua linguagem a da pessoa. Não use palavras difíceis, gírias ou palavras típicas de regiões que possam prejudicar a comunicação.
• Observe a linguagem verbal e a não-verbal. Os gestos, as expressões faciais, a postura, são fundamentais para nós.

Para Recepção


• Esteja sempre presente na situação, não "voe", não se distraia.
• Não pense na resposta antes do outro terminar a mensagem. Escute, reflita e após, exponha o seu ponto de vista.
• Anote pontos básicos se necessário.
• Evite expressar não-verbalmente cansaço, desinteresse ou falta de atenção.
• Respeite as colocações do outro. Mesmo que discorde, mostre que aceita o pensamento dele. Não somos donos da verdade.

Colunista Portal - Educação
O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER