CURSOS ONLINE GRÁTIS NA COMPRA DE UM DOS 1400 CURSOS ONLINE

Tipos de sondas gástricas

Artigo por Colunista Portal - Educação - quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Tamanho do texto: A A

A sonda de Moss é uma sonda utilizada para descompressão gástrica
A sonda de Moss é uma sonda utilizada para descompressão gástrica
Sonda de Moss

A sonda de Moss é uma sonda utilizada para descompressão gástrica com aproximadamente 90 cm de comprimento, três luzes e somente um balão que fixa a sonda ao estômago quando inflado.

Este cateter de descompressão serve tanto para aspiração gástrica como para aspiração esofagiana e também para lavagem. Sua terceira luz é uma via utilizada para alimentação duodenal.

Sonda de Sengstaken – blakemore

É indicada em casos em que o paciente apresenta hemorragia de varizes esofageanas, hemorragias de fundo varicoso, combinação de hemorragias de varizes do esôfago e do fundo varicoso.

O paciente deve estar na posição vertical, enrolar os balões à volta do cabo do tubo, introduzir a sonda pelas vias nasais, inserindo-a ao longo da zona nasal. O paciente deve auxiliar engolindo e respirando fundo.

Inserir a sonda a um comprimento de aproximadamente 50 cm, encher o balão gástrico com a quantidade de ar previamente determinada e depois fechar o funil do lúmen de enchimento.

Retirar o tubo até que o balão gástrico se ajuste corretamente à cárdia (a posição correta é indicada pela resistência ressaltada quando é efetuado um ligeiro puxão). Realizar a fixação da sonda assim que estiver corretamente posicionado.

Caso houver simultaneamente uma hemorragia do fundo varicoso, a sonda deverá ser fixada com a aplicação de tensão moderada. Encher o balão para esôfago até que este atinja uma pressão ideal (30-40 mmHg), verificando a pressão do balão interno para garantir uma estabilidade no decorrer do tratamento, iniciando o processo de sucção e irrigação.

Se após 12 horas não ocorrer hemorragia, esvaziar o balão, para evitar danos na mucosa causados pela pressão, e retirar a sonda cuidadosamente.

Sonda retal

Indicada para aliviar a tensão provocada por gazes e líquidos no intestino grosso, para retirada de conteúdo fecal por meio do reto. Possui um orifício lateral e um orifício frontal (extremidade aberta). A abertura frontal dará um melhor resultado na sucção do material sólido, trabalho que o orifício lateral responderia com eficiência, mas não com eficácia.
CreativeCommons

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Portal Educação.

Comentários


colunista

Colunista Portal - Educação

O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.