Gestão escolar participativa

Gestão escolar participativa
Gestão escolar participativa

Educação e Pedagogia

27/02/2012

Segundo Lück (2000, p. 11), a gestão escolar se constitui uma dimensão e um enfoque de atuação que objetiva promover a organização, a mobilização e a articulação de todas as condições materiais e humanas necessárias para garantir o avanço dos processos socioeducacionais dos estabelecimentos de ensino orientadas para a promoção efetiva da aprendizagem pelos alunos, de modo a torná-los capazes de enfrentar adequadamente os desafios da sociedade globalizada e da economia centrada no conhecimento.

Em algumas instituições de ensino, grande maioria, a gestão escolar é participativa.

Para Marques (1981), a participação de todos nos diferentes níveis de decisão e nas sucessivas fases de atividades é essencial para assegurar o eficiente desempenho da organização.

A flexibilidade de pessoas e da própria organização permite uma abordagem aberta, facilitando a aceitação da realidade e permitindo constantes reformulações que levam ao crescimento pessoal e grupal. A dignidade do grupo, e de cada um, se faz pelo respeito mútuo.

Mas, afinal, o que é a gestão escolar participativa?

A gestão participativa caracteriza-se por uma força de atuação consciente, pela qual os membros da escola reconhecem e assumem seu poder de influenciar na determinação da dinâmica dessa unidade escola, de sua cultura e de seus resultados.

O entendimento do conceito de gestão já pressupõe, em si, a ideia de participação, isto é, do trabalho associado de pessoas analisando situações, decidindo sobre seu encaminhamento e agindo sobre elas em conjunto. Isso porque o êxito de uma organização depende da ação construtiva conjunta de seus componentes, pelo trabalho associado, mediante reciprocidade que cria um “todo” orientado por uma vontade coletiva. (LUCK,2000, p. 37).

E você educador, a escola ou instituição de ensino em que você atua tem uma gestão participativa?


REFERÊNCIAS:

LUCK, Heloisa. A ação Integrada: administração, supervisão e orientação educacional. Rio de Janeiro: Editora LTDA, 1996.

LUCK, Heloisa; FREITAS, Kátia; Ginling, Rob; KEITH, Sherry. A Escola participative: o trabalho do gestor escolar. 4 ed. Rio de Janeiro: DPLA, 2000.

MARQUES, J. C. Proposta básica para gestão 81 – 84. Porto Alegre, Educação e Realidade 6 (1): 109 – 20 jan. / abr, 1981.

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Portal Educação.


Emileide Lucineia da Costa

por Emileide Lucineia da Costa

Possui graduação em Pedagogia pela Anhanguera - UNAES (2006), Especialização em Educação a distância pelo SENAC/MS(2010) e está cursando pós graduação em Psicopedagogia pelo Portal Educação/UCDB. Atualmente é Tutora em EaD de cursos livres e pós-graduação.

Portal Educação

PORTAL DA EDUCAÇÃO S/A - CNPJ: 04.670.765/0001-90 - Inscrição Estadual: 283.797.118 - Rua Sete de Setembro, 1.686 - Campo Grande - MS - CEP 79002-130