Curso online de Enfermagem em Imunização - Portal Educacao
Horas Complementares Sem Chororô: Cursos de até 40h para você fechar o semestre.
Promoção por tempo limitado.

Categorias RELACIONADAS

Central de vendas

Whatsapp11 94101-9030
Telefone

0800 707 4520

Fale com um consultor

Dúvidas ?

  • 0800 707 4520
  • 11 94101-9030
Outras dúvidas

Fale com o consultor

Deixe seu número

que eu ligo para você

Enviar

ou para atendimento via CHAT clique aqui

  • Carga Horária:

    Informações adicionais de cursos

    cargaHoraria80
    CursoDisponivel30
    PublicoAlvoO curso livre de Enfermagem em Imunização é voltado a estudantes e profissionais de enfermagem que queiram conhecer mais sobre o tema e/ou se atualizar para se destacar no mercado de trabalho.
    ConteudoCursoA história da saúde no Brasil
    A política de saúde brasileira
    Estrutura do serviço sanitário
    A era dos institutos
    O saneamento das cidades
    A revolta da vacina
    Programa nacional de imunizações (PNI)
    Rede de frio
    Sistema de refrigeração
    Princípios da refrigeração
    Transferência de calor
    Controle e monitoramento da temperatura
    Termômetro digital de momento, máximo e mínimo
    Termômetro analógico de momento, máxima e mínima
    Termômetro linear
    Termômetro analógico de cabo extensor
    Termômetro a Laser
    Situações emergenciais
    Equipamentos da rede de frio
    Câmaras frigoríficas
    Freezer ou congeladores
    Refrigeradores ou geladeiras
    Geladeira doméstica
    Refrigerador comercial
    Caixas térmicas
    Bobinas de gelo reutilizável
    Ambientação da bobina de gelo reutilizável
    Caminhão frigorífico
    Geladeira a gás/eletricidade
    Geladeira com paredes de gelo reutilizável
    Geladeira à energia solar
    Instâncias de armazenamento
    Nacional
    Estadual
    Regional ou distrital
    Municipal
    Local
    Transporte de imunobiológicos
    Imunobiológicos sob suspeita
    Sala de vacinas
    Sala de vacinação: organização e funcionamento
    Equipamentos básicos da sala de vacina
    Materiais utilizados na sala de vacina
    Impressos e manuais técnicos e operacionais
    O funcionamento da sala de vacinação
    Limpeza da sala de vacinas
    Procedimentos preliminares à administração
    Lavagem das mãos
    Cuidados básicos com materiais descartáveis
    Cuidados básicos para remoção e reconstituição de soluções
    Remoção de soluções acondicionadas em ampola de vidro
    Remoção de soluções acondicionadas em frasco-ampola com tampa de borracha
    Reconstituição de soluções apresentadas sob a forma liofilizada
    Cuidados básicos segundo as vias de administração das vacinas
    Via oral
    Via intradérmica
    Via subcutânea (SC)
    Via intramuscular (IM)
    Via endovenosa (EV)
    Registro das atividades e arquivos da sala de vacinação
    Impressos padronizados em instância nacional
    Cartão da criança
    Cartão de controle
    Cartão do adulto
    Cartão da gestante
    Boletim diário de vacinação
    Boletim mensal de doses aplicadas de vacinas
    Inutilização de imunobiológicos
    Movimento mensal de imunobiológicos e insumos
    Mapa para controle diário de temperatura
    Ficha de investigação dos eventos adversos pós-vacinação
    Fundamentos imunológicos
    Imunidade celular
    Imunidade humoral
    Complexos de histocompatibilidade
    Antígenos t-dependentes e t-independentes
    Integração de mecanismos de imunidade específica e inespecífica
    Agentes imunizantes
    Natureza
    Composição
    Fatores próprios das vacinas
    Origem das vacinas
    Controle de qualidade
    Conservação
    Vias de administração
    Pessoa a ser vacinada
    Contraindicações
    Gerais
    Específicas
    Falsas contraindicações
    Adiamento de vacinação
    Associação de vacinas
    Situações especiais
    Surtos ou epidemias
    Vacinação de escolares
    Campanha de vacinação
    Calendário básico de vacinações de rotina
    Calendário de vacinação para crianças até seis anos de idade
    Calendário de vacinação para crianças maiores de sete anos e adolescentes
    Calendário de vacinação para adultos entre 20 e 59 anos
    Calendário de vacinação para adultos com 60 anos ou mais de idade
    Vacinas
    Vacina contra tuberculose (BCG)
    Vacina contra hepatite B
    Vacina oral contra poliomielite
    Vacina contra difteria, tétano e coqueluche e a infecção pelo haemophilus influenzae tipo B
    Vacina contra difteria, tétano e coqueluche
    Vacina contra difteria e tétano
    Vacina contra o tétano
    Vacina contra sarampo, caxumba e rubéola
    Vacina contra febre amarela
    Vacina contra a influenza (gripe)
    Vacina contra pneumococo
    Vacina e soro contra raiva
    Vacina contra febre tifoide
    Vacina meningocócica A + C
    Vacina meningocócica C
    Vacinação de rotina da gestante
    Eventos adversos pós-vacinação
    Eventos adversos - conceitos gerais
    Processo de desenvolvimento de novas vacinas
    Complicações ou reações não imunológicas
    Complicações ou reações imunológicas
    Medidas de prevenção dos eventos adversos pós-vacinação
    Causas dos eventos adversos pós-vacinação
    Identificação dos fatores relacionados aos vacinados
    Aspectos relacionados aos componentes da vacina
    Aspectos relacionados à técnica de aplicação da vacina
    Condutas diante de um evento adverso
    O sistema nacional de vigilância dos eventos adversos pós-vacinação
    Notificação de um evento adverso pós-vacinação
    Encaminhamento da ficha de notificação dos eventos adversos pós-vacinação
    Importância do sistema nacional dos eventos adversos pós-vacinação
    Monitoramento e avaliação das atividades de vacinação
    Acompanhamento das atividades
    Monitoramento
    Supervisão
    Atribuições do supervisor
    Aspectos específicos da supervisão à atividade de vacinação
    Avaliação de resultados e de impacto
    Acompanhamento das coberturas de vacinação.
    NivelAvançado
    o que voce vai aprender
  • A história da saúde no Brasil
  • A política de saúde brasileira
  • Estrutura do serviço sanitário
  • A era dos institutos
  • O saneamento das cidades
  • A revolta da vacina
  • Programa nacional de imunizações (PNI)
  • Rede de frio
  • Sistema de refrigeração
  • Princípios da refrigeração
  • Transferência de calor
  • Controle e monitoramento da temperatura
  • Termômetro digital de momento, máximo e mínimo
  • Termômetro analógico de momento, máxima e mínima
  • Termômetro linear
  • Termômetro analógico de cabo extensor
  • Termômetro a Laser
  • Situações emergenciais
  • Equipamentos da rede de frio
  • Câmaras frigoríficas
  • Freezer ou congeladores
  • Refrigeradores ou geladeiras
  • Geladeira doméstica
  • Refrigerador comercial
  • Caixas térmicas
  • Bobinas de gelo reutilizável
  • Ambientação da bobina de gelo reutilizável
  • Caminhão frigorífico
  • Geladeira a gás/eletricidade
  • Geladeira com paredes de gelo reutilizável
  • Geladeira à energia solar
  • Instâncias de armazenamento
  • Nacional
  • Estadual
  • Regional ou distrital
  • Municipal
  • Local
  • Transporte de imunobiológicos
  • Imunobiológicos sob suspeita
  • Sala de vacinas
  • Sala de vacinação: organização e funcionamento
  • Equipamentos básicos da sala de vacina
  • Materiais utilizados na sala de vacina
  • Impressos e manuais técnicos e operacionais
  • O funcionamento da sala de vacinação
  • Limpeza da sala de vacinas
  • Procedimentos preliminares à administração
  • Lavagem das mãos
  • Cuidados básicos com materiais descartáveis
  • Cuidados básicos para remoção e reconstituição de soluções
  • Remoção de soluções acondicionadas em ampola de vidro
  • Remoção de soluções acondicionadas em frasco-ampola com tampa de borracha
  • Reconstituição de soluções apresentadas sob a forma liofilizada
  • Cuidados básicos segundo as vias de administração das vacinas
  • Via oral
  • Via intradérmica
  • Via subcutânea (SC)
  • Via intramuscular (IM)
  • Via endovenosa (EV)
  • Registro das atividades e arquivos da sala de vacinação
  • Impressos padronizados em instância nacional
  • Cartão da criança
  • Cartão de controle
  • Cartão do adulto
  • Cartão da gestante
  • Boletim diário de vacinação
  • Boletim mensal de doses aplicadas de vacinas
  • Inutilização de imunobiológicos
  • Movimento mensal de imunobiológicos e insumos
  • Mapa para controle diário de temperatura
  • Ficha de investigação dos eventos adversos pós-vacinação
  • Fundamentos imunológicos
  • Imunidade celular
  • Imunidade humoral
  • Complexos de histocompatibilidade
  • Antígenos t-dependentes e t-independentes
  • Integração de mecanismos de imunidade específica e inespecífica
  • Agentes imunizantes
  • Natureza
  • Composição
  • Fatores próprios das vacinas
  • Origem das vacinas
  • Controle de qualidade
  • Conservação
  • Vias de administração
  • Pessoa a ser vacinada
  • Contraindicações
  • Gerais
  • Específicas
  • Falsas contraindicações
  • Adiamento de vacinação
  • Associação de vacinas
  • Situações especiais
  • Surtos ou epidemias
  • Vacinação de escolares
  • Campanha de vacinação
  • Calendário básico de vacinações de rotina
  • Calendário de vacinação para crianças até seis anos de idade
  • Calendário de vacinação para crianças maiores de sete anos e adolescentes
  • Calendário de vacinação para adultos entre 20 e 59 anos
  • Calendário de vacinação para adultos com 60 anos ou mais de idade
  • Vacinas
  • Vacina contra tuberculose (BCG)
  • Vacina contra hepatite B
  • Vacina oral contra poliomielite
  • Vacina contra difteria, tétano e coqueluche e a infecção pelo haemophilus influenzae tipo B
  • Vacina contra difteria, tétano e coqueluche
  • Vacina contra difteria e tétano
  • Vacina contra o tétano
  • Vacina contra sarampo, caxumba e rubéola
  • Vacina contra febre amarela
  • Vacina contra a influenza (gripe)
  • Vacina contra pneumococo
  • Vacina e soro contra raiva
  • Vacina contra febre tifoide
  • Vacina meningocócica A + C
  • Vacina meningocócica C
  • Vacinação de rotina da gestante
  • Eventos adversos pós-vacinação
  • Eventos adversos - conceitos gerais
  • Processo de desenvolvimento de novas vacinas
  • Complicações ou reações não imunológicas
  • Complicações ou reações imunológicas
  • Medidas de prevenção dos eventos adversos pós-vacinação
  • Causas dos eventos adversos pós-vacinação
  • Identificação dos fatores relacionados aos vacinados
  • Aspectos relacionados aos componentes da vacina
  • Aspectos relacionados à técnica de aplicação da vacina
  • Condutas diante de um evento adverso
  • O sistema nacional de vigilância dos eventos adversos pós-vacinação
  • Notificação de um evento adverso pós-vacinação
  • Encaminhamento da ficha de notificação dos eventos adversos pós-vacinação
  • Importância do sistema nacional dos eventos adversos pós-vacinação
  • Monitoramento e avaliação das atividades de vacinação
  • Acompanhamento das atividades
  • Monitoramento
  • Supervisão
  • Atribuições do supervisor
  • Aspectos específicos da supervisão à atividade de vacinação
  • Avaliação de resultados e de impacto
  • Acompanhamento das coberturas de vacinação.
  • Carga HoráriaAté 120 horas
    Horas
  • Inicio a partir de:

  • Curso disponível por:

    Informações adicionais de cursos

    cargaHoraria80
    CursoDisponivel30
    PublicoAlvoO curso livre de Enfermagem em Imunização é voltado a estudantes e profissionais de enfermagem que queiram conhecer mais sobre o tema e/ou se atualizar para se destacar no mercado de trabalho.
    ConteudoCursoA história da saúde no Brasil
    A política de saúde brasileira
    Estrutura do serviço sanitário
    A era dos institutos
    O saneamento das cidades
    A revolta da vacina
    Programa nacional de imunizações (PNI)
    Rede de frio
    Sistema de refrigeração
    Princípios da refrigeração
    Transferência de calor
    Controle e monitoramento da temperatura
    Termômetro digital de momento, máximo e mínimo
    Termômetro analógico de momento, máxima e mínima
    Termômetro linear
    Termômetro analógico de cabo extensor
    Termômetro a Laser
    Situações emergenciais
    Equipamentos da rede de frio
    Câmaras frigoríficas
    Freezer ou congeladores
    Refrigeradores ou geladeiras
    Geladeira doméstica
    Refrigerador comercial
    Caixas térmicas
    Bobinas de gelo reutilizável
    Ambientação da bobina de gelo reutilizável
    Caminhão frigorífico
    Geladeira a gás/eletricidade
    Geladeira com paredes de gelo reutilizável
    Geladeira à energia solar
    Instâncias de armazenamento
    Nacional
    Estadual
    Regional ou distrital
    Municipal
    Local
    Transporte de imunobiológicos
    Imunobiológicos sob suspeita
    Sala de vacinas
    Sala de vacinação: organização e funcionamento
    Equipamentos básicos da sala de vacina
    Materiais utilizados na sala de vacina
    Impressos e manuais técnicos e operacionais
    O funcionamento da sala de vacinação
    Limpeza da sala de vacinas
    Procedimentos preliminares à administração
    Lavagem das mãos
    Cuidados básicos com materiais descartáveis
    Cuidados básicos para remoção e reconstituição de soluções
    Remoção de soluções acondicionadas em ampola de vidro
    Remoção de soluções acondicionadas em frasco-ampola com tampa de borracha
    Reconstituição de soluções apresentadas sob a forma liofilizada
    Cuidados básicos segundo as vias de administração das vacinas
    Via oral
    Via intradérmica
    Via subcutânea (SC)
    Via intramuscular (IM)
    Via endovenosa (EV)
    Registro das atividades e arquivos da sala de vacinação
    Impressos padronizados em instância nacional
    Cartão da criança
    Cartão de controle
    Cartão do adulto
    Cartão da gestante
    Boletim diário de vacinação
    Boletim mensal de doses aplicadas de vacinas
    Inutilização de imunobiológicos
    Movimento mensal de imunobiológicos e insumos
    Mapa para controle diário de temperatura
    Ficha de investigação dos eventos adversos pós-vacinação
    Fundamentos imunológicos
    Imunidade celular
    Imunidade humoral
    Complexos de histocompatibilidade
    Antígenos t-dependentes e t-independentes
    Integração de mecanismos de imunidade específica e inespecífica
    Agentes imunizantes
    Natureza
    Composição
    Fatores próprios das vacinas
    Origem das vacinas
    Controle de qualidade
    Conservação
    Vias de administração
    Pessoa a ser vacinada
    Contraindicações
    Gerais
    Específicas
    Falsas contraindicações
    Adiamento de vacinação
    Associação de vacinas
    Situações especiais
    Surtos ou epidemias
    Vacinação de escolares
    Campanha de vacinação
    Calendário básico de vacinações de rotina
    Calendário de vacinação para crianças até seis anos de idade
    Calendário de vacinação para crianças maiores de sete anos e adolescentes
    Calendário de vacinação para adultos entre 20 e 59 anos
    Calendário de vacinação para adultos com 60 anos ou mais de idade
    Vacinas
    Vacina contra tuberculose (BCG)
    Vacina contra hepatite B
    Vacina oral contra poliomielite
    Vacina contra difteria, tétano e coqueluche e a infecção pelo haemophilus influenzae tipo B
    Vacina contra difteria, tétano e coqueluche
    Vacina contra difteria e tétano
    Vacina contra o tétano
    Vacina contra sarampo, caxumba e rubéola
    Vacina contra febre amarela
    Vacina contra a influenza (gripe)
    Vacina contra pneumococo
    Vacina e soro contra raiva
    Vacina contra febre tifoide
    Vacina meningocócica A + C
    Vacina meningocócica C
    Vacinação de rotina da gestante
    Eventos adversos pós-vacinação
    Eventos adversos - conceitos gerais
    Processo de desenvolvimento de novas vacinas
    Complicações ou reações não imunológicas
    Complicações ou reações imunológicas
    Medidas de prevenção dos eventos adversos pós-vacinação
    Causas dos eventos adversos pós-vacinação
    Identificação dos fatores relacionados aos vacinados
    Aspectos relacionados aos componentes da vacina
    Aspectos relacionados à técnica de aplicação da vacina
    Condutas diante de um evento adverso
    O sistema nacional de vigilância dos eventos adversos pós-vacinação
    Notificação de um evento adverso pós-vacinação
    Encaminhamento da ficha de notificação dos eventos adversos pós-vacinação
    Importância do sistema nacional dos eventos adversos pós-vacinação
    Monitoramento e avaliação das atividades de vacinação
    Acompanhamento das atividades
    Monitoramento
    Supervisão
    Atribuições do supervisor
    Aspectos específicos da supervisão à atividade de vacinação
    Avaliação de resultados e de impacto
    Acompanhamento das coberturas de vacinação.
    NivelAvançado
    o que voce vai aprender
  • A história da saúde no Brasil
  • A política de saúde brasileira
  • Estrutura do serviço sanitário
  • A era dos institutos
  • O saneamento das cidades
  • A revolta da vacina
  • Programa nacional de imunizações (PNI)
  • Rede de frio
  • Sistema de refrigeração
  • Princípios da refrigeração
  • Transferência de calor
  • Controle e monitoramento da temperatura
  • Termômetro digital de momento, máximo e mínimo
  • Termômetro analógico de momento, máxima e mínima
  • Termômetro linear
  • Termômetro analógico de cabo extensor
  • Termômetro a Laser
  • Situações emergenciais
  • Equipamentos da rede de frio
  • Câmaras frigoríficas
  • Freezer ou congeladores
  • Refrigeradores ou geladeiras
  • Geladeira doméstica
  • Refrigerador comercial
  • Caixas térmicas
  • Bobinas de gelo reutilizável
  • Ambientação da bobina de gelo reutilizável
  • Caminhão frigorífico
  • Geladeira a gás/eletricidade
  • Geladeira com paredes de gelo reutilizável
  • Geladeira à energia solar
  • Instâncias de armazenamento
  • Nacional
  • Estadual
  • Regional ou distrital
  • Municipal
  • Local
  • Transporte de imunobiológicos
  • Imunobiológicos sob suspeita
  • Sala de vacinas
  • Sala de vacinação: organização e funcionamento
  • Equipamentos básicos da sala de vacina
  • Materiais utilizados na sala de vacina
  • Impressos e manuais técnicos e operacionais
  • O funcionamento da sala de vacinação
  • Limpeza da sala de vacinas
  • Procedimentos preliminares à administração
  • Lavagem das mãos
  • Cuidados básicos com materiais descartáveis
  • Cuidados básicos para remoção e reconstituição de soluções
  • Remoção de soluções acondicionadas em ampola de vidro
  • Remoção de soluções acondicionadas em frasco-ampola com tampa de borracha
  • Reconstituição de soluções apresentadas sob a forma liofilizada
  • Cuidados básicos segundo as vias de administração das vacinas
  • Via oral
  • Via intradérmica
  • Via subcutânea (SC)
  • Via intramuscular (IM)
  • Via endovenosa (EV)
  • Registro das atividades e arquivos da sala de vacinação
  • Impressos padronizados em instância nacional
  • Cartão da criança
  • Cartão de controle
  • Cartão do adulto
  • Cartão da gestante
  • Boletim diário de vacinação
  • Boletim mensal de doses aplicadas de vacinas
  • Inutilização de imunobiológicos
  • Movimento mensal de imunobiológicos e insumos
  • Mapa para controle diário de temperatura
  • Ficha de investigação dos eventos adversos pós-vacinação
  • Fundamentos imunológicos
  • Imunidade celular
  • Imunidade humoral
  • Complexos de histocompatibilidade
  • Antígenos t-dependentes e t-independentes
  • Integração de mecanismos de imunidade específica e inespecífica
  • Agentes imunizantes
  • Natureza
  • Composição
  • Fatores próprios das vacinas
  • Origem das vacinas
  • Controle de qualidade
  • Conservação
  • Vias de administração
  • Pessoa a ser vacinada
  • Contraindicações
  • Gerais
  • Específicas
  • Falsas contraindicações
  • Adiamento de vacinação
  • Associação de vacinas
  • Situações especiais
  • Surtos ou epidemias
  • Vacinação de escolares
  • Campanha de vacinação
  • Calendário básico de vacinações de rotina
  • Calendário de vacinação para crianças até seis anos de idade
  • Calendário de vacinação para crianças maiores de sete anos e adolescentes
  • Calendário de vacinação para adultos entre 20 e 59 anos
  • Calendário de vacinação para adultos com 60 anos ou mais de idade
  • Vacinas
  • Vacina contra tuberculose (BCG)
  • Vacina contra hepatite B
  • Vacina oral contra poliomielite
  • Vacina contra difteria, tétano e coqueluche e a infecção pelo haemophilus influenzae tipo B
  • Vacina contra difteria, tétano e coqueluche
  • Vacina contra difteria e tétano
  • Vacina contra o tétano
  • Vacina contra sarampo, caxumba e rubéola
  • Vacina contra febre amarela
  • Vacina contra a influenza (gripe)
  • Vacina contra pneumococo
  • Vacina e soro contra raiva
  • Vacina contra febre tifoide
  • Vacina meningocócica A + C
  • Vacina meningocócica C
  • Vacinação de rotina da gestante
  • Eventos adversos pós-vacinação
  • Eventos adversos - conceitos gerais
  • Processo de desenvolvimento de novas vacinas
  • Complicações ou reações não imunológicas
  • Complicações ou reações imunológicas
  • Medidas de prevenção dos eventos adversos pós-vacinação
  • Causas dos eventos adversos pós-vacinação
  • Identificação dos fatores relacionados aos vacinados
  • Aspectos relacionados aos componentes da vacina
  • Aspectos relacionados à técnica de aplicação da vacina
  • Condutas diante de um evento adverso
  • O sistema nacional de vigilância dos eventos adversos pós-vacinação
  • Notificação de um evento adverso pós-vacinação
  • Encaminhamento da ficha de notificação dos eventos adversos pós-vacinação
  • Importância do sistema nacional dos eventos adversos pós-vacinação
  • Monitoramento e avaliação das atividades de vacinação
  • Acompanhamento das atividades
  • Monitoramento
  • Supervisão
  • Atribuições do supervisor
  • Aspectos específicos da supervisão à atividade de vacinação
  • Avaliação de resultados e de impacto
  • Acompanhamento das coberturas de vacinação.
  • Carga HoráriaAté 120 horas
    dias
NÍVEL:

Informações adicionais de cursos

cargaHoraria80
CursoDisponivel30
PublicoAlvoO curso livre de Enfermagem em Imunização é voltado a estudantes e profissionais de enfermagem que queiram conhecer mais sobre o tema e/ou se atualizar para se destacar no mercado de trabalho.
ConteudoCursoA história da saúde no Brasil
A política de saúde brasileira
Estrutura do serviço sanitário
A era dos institutos
O saneamento das cidades
A revolta da vacina
Programa nacional de imunizações (PNI)
Rede de frio
Sistema de refrigeração
Princípios da refrigeração
Transferência de calor
Controle e monitoramento da temperatura
Termômetro digital de momento, máximo e mínimo
Termômetro analógico de momento, máxima e mínima
Termômetro linear
Termômetro analógico de cabo extensor
Termômetro a Laser
Situações emergenciais
Equipamentos da rede de frio
Câmaras frigoríficas
Freezer ou congeladores
Refrigeradores ou geladeiras
Geladeira doméstica
Refrigerador comercial
Caixas térmicas
Bobinas de gelo reutilizável
Ambientação da bobina de gelo reutilizável
Caminhão frigorífico
Geladeira a gás/eletricidade
Geladeira com paredes de gelo reutilizável
Geladeira à energia solar
Instâncias de armazenamento
Nacional
Estadual
Regional ou distrital
Municipal
Local
Transporte de imunobiológicos
Imunobiológicos sob suspeita
Sala de vacinas
Sala de vacinação: organização e funcionamento
Equipamentos básicos da sala de vacina
Materiais utilizados na sala de vacina
Impressos e manuais técnicos e operacionais
O funcionamento da sala de vacinação
Limpeza da sala de vacinas
Procedimentos preliminares à administração
Lavagem das mãos
Cuidados básicos com materiais descartáveis
Cuidados básicos para remoção e reconstituição de soluções
Remoção de soluções acondicionadas em ampola de vidro
Remoção de soluções acondicionadas em frasco-ampola com tampa de borracha
Reconstituição de soluções apresentadas sob a forma liofilizada
Cuidados básicos segundo as vias de administração das vacinas
Via oral
Via intradérmica
Via subcutânea (SC)
Via intramuscular (IM)
Via endovenosa (EV)
Registro das atividades e arquivos da sala de vacinação
Impressos padronizados em instância nacional
Cartão da criança
Cartão de controle
Cartão do adulto
Cartão da gestante
Boletim diário de vacinação
Boletim mensal de doses aplicadas de vacinas
Inutilização de imunobiológicos
Movimento mensal de imunobiológicos e insumos
Mapa para controle diário de temperatura
Ficha de investigação dos eventos adversos pós-vacinação
Fundamentos imunológicos
Imunidade celular
Imunidade humoral
Complexos de histocompatibilidade
Antígenos t-dependentes e t-independentes
Integração de mecanismos de imunidade específica e inespecífica
Agentes imunizantes
Natureza
Composição
Fatores próprios das vacinas
Origem das vacinas
Controle de qualidade
Conservação
Vias de administração
Pessoa a ser vacinada
Contraindicações
Gerais
Específicas
Falsas contraindicações
Adiamento de vacinação
Associação de vacinas
Situações especiais
Surtos ou epidemias
Vacinação de escolares
Campanha de vacinação
Calendário básico de vacinações de rotina
Calendário de vacinação para crianças até seis anos de idade
Calendário de vacinação para crianças maiores de sete anos e adolescentes
Calendário de vacinação para adultos entre 20 e 59 anos
Calendário de vacinação para adultos com 60 anos ou mais de idade
Vacinas
Vacina contra tuberculose (BCG)
Vacina contra hepatite B
Vacina oral contra poliomielite
Vacina contra difteria, tétano e coqueluche e a infecção pelo haemophilus influenzae tipo B
Vacina contra difteria, tétano e coqueluche
Vacina contra difteria e tétano
Vacina contra o tétano
Vacina contra sarampo, caxumba e rubéola
Vacina contra febre amarela
Vacina contra a influenza (gripe)
Vacina contra pneumococo
Vacina e soro contra raiva
Vacina contra febre tifoide
Vacina meningocócica A + C
Vacina meningocócica C
Vacinação de rotina da gestante
Eventos adversos pós-vacinação
Eventos adversos - conceitos gerais
Processo de desenvolvimento de novas vacinas
Complicações ou reações não imunológicas
Complicações ou reações imunológicas
Medidas de prevenção dos eventos adversos pós-vacinação
Causas dos eventos adversos pós-vacinação
Identificação dos fatores relacionados aos vacinados
Aspectos relacionados aos componentes da vacina
Aspectos relacionados à técnica de aplicação da vacina
Condutas diante de um evento adverso
O sistema nacional de vigilância dos eventos adversos pós-vacinação
Notificação de um evento adverso pós-vacinação
Encaminhamento da ficha de notificação dos eventos adversos pós-vacinação
Importância do sistema nacional dos eventos adversos pós-vacinação
Monitoramento e avaliação das atividades de vacinação
Acompanhamento das atividades
Monitoramento
Supervisão
Atribuições do supervisor
Aspectos específicos da supervisão à atividade de vacinação
Avaliação de resultados e de impacto
Acompanhamento das coberturas de vacinação.
NivelAvançado
o que voce vai aprender
  • A história da saúde no Brasil
  • A política de saúde brasileira
  • Estrutura do serviço sanitário
  • A era dos institutos
  • O saneamento das cidades
  • A revolta da vacina
  • Programa nacional de imunizações (PNI)
  • Rede de frio
  • Sistema de refrigeração
  • Princípios da refrigeração
  • Transferência de calor
  • Controle e monitoramento da temperatura
  • Termômetro digital de momento, máximo e mínimo
  • Termômetro analógico de momento, máxima e mínima
  • Termômetro linear
  • Termômetro analógico de cabo extensor
  • Termômetro a Laser
  • Situações emergenciais
  • Equipamentos da rede de frio
  • Câmaras frigoríficas
  • Freezer ou congeladores
  • Refrigeradores ou geladeiras
  • Geladeira doméstica
  • Refrigerador comercial
  • Caixas térmicas
  • Bobinas de gelo reutilizável
  • Ambientação da bobina de gelo reutilizável
  • Caminhão frigorífico
  • Geladeira a gás/eletricidade
  • Geladeira com paredes de gelo reutilizável
  • Geladeira à energia solar
  • Instâncias de armazenamento
  • Nacional
  • Estadual
  • Regional ou distrital
  • Municipal
  • Local
  • Transporte de imunobiológicos
  • Imunobiológicos sob suspeita
  • Sala de vacinas
  • Sala de vacinação: organização e funcionamento
  • Equipamentos básicos da sala de vacina
  • Materiais utilizados na sala de vacina
  • Impressos e manuais técnicos e operacionais
  • O funcionamento da sala de vacinação
  • Limpeza da sala de vacinas
  • Procedimentos preliminares à administração
  • Lavagem das mãos
  • Cuidados básicos com materiais descartáveis
  • Cuidados básicos para remoção e reconstituição de soluções
  • Remoção de soluções acondicionadas em ampola de vidro
  • Remoção de soluções acondicionadas em frasco-ampola com tampa de borracha
  • Reconstituição de soluções apresentadas sob a forma liofilizada
  • Cuidados básicos segundo as vias de administração das vacinas
  • Via oral
  • Via intradérmica
  • Via subcutânea (SC)
  • Via intramuscular (IM)
  • Via endovenosa (EV)
  • Registro das atividades e arquivos da sala de vacinação
  • Impressos padronizados em instância nacional
  • Cartão da criança
  • Cartão de controle
  • Cartão do adulto
  • Cartão da gestante
  • Boletim diário de vacinação
  • Boletim mensal de doses aplicadas de vacinas
  • Inutilização de imunobiológicos
  • Movimento mensal de imunobiológicos e insumos
  • Mapa para controle diário de temperatura
  • Ficha de investigação dos eventos adversos pós-vacinação
  • Fundamentos imunológicos
  • Imunidade celular
  • Imunidade humoral
  • Complexos de histocompatibilidade
  • Antígenos t-dependentes e t-independentes
  • Integração de mecanismos de imunidade específica e inespecífica
  • Agentes imunizantes
  • Natureza
  • Composição
  • Fatores próprios das vacinas
  • Origem das vacinas
  • Controle de qualidade
  • Conservação
  • Vias de administração
  • Pessoa a ser vacinada
  • Contraindicações
  • Gerais
  • Específicas
  • Falsas contraindicações
  • Adiamento de vacinação
  • Associação de vacinas
  • Situações especiais
  • Surtos ou epidemias
  • Vacinação de escolares
  • Campanha de vacinação
  • Calendário básico de vacinações de rotina
  • Calendário de vacinação para crianças até seis anos de idade
  • Calendário de vacinação para crianças maiores de sete anos e adolescentes
  • Calendário de vacinação para adultos entre 20 e 59 anos
  • Calendário de vacinação para adultos com 60 anos ou mais de idade
  • Vacinas
  • Vacina contra tuberculose (BCG)
  • Vacina contra hepatite B
  • Vacina oral contra poliomielite
  • Vacina contra difteria, tétano e coqueluche e a infecção pelo haemophilus influenzae tipo B
  • Vacina contra difteria, tétano e coqueluche
  • Vacina contra difteria e tétano
  • Vacina contra o tétano
  • Vacina contra sarampo, caxumba e rubéola
  • Vacina contra febre amarela
  • Vacina contra a influenza (gripe)
  • Vacina contra pneumococo
  • Vacina e soro contra raiva
  • Vacina contra febre tifoide
  • Vacina meningocócica A + C
  • Vacina meningocócica C
  • Vacinação de rotina da gestante
  • Eventos adversos pós-vacinação
  • Eventos adversos - conceitos gerais
  • Processo de desenvolvimento de novas vacinas
  • Complicações ou reações não imunológicas
  • Complicações ou reações imunológicas
  • Medidas de prevenção dos eventos adversos pós-vacinação
  • Causas dos eventos adversos pós-vacinação
  • Identificação dos fatores relacionados aos vacinados
  • Aspectos relacionados aos componentes da vacina
  • Aspectos relacionados à técnica de aplicação da vacina
  • Condutas diante de um evento adverso
  • O sistema nacional de vigilância dos eventos adversos pós-vacinação
  • Notificação de um evento adverso pós-vacinação
  • Encaminhamento da ficha de notificação dos eventos adversos pós-vacinação
  • Importância do sistema nacional dos eventos adversos pós-vacinação
  • Monitoramento e avaliação das atividades de vacinação
  • Acompanhamento das atividades
  • Monitoramento
  • Supervisão
  • Atribuições do supervisor
  • Aspectos específicos da supervisão à atividade de vacinação
  • Avaliação de resultados e de impacto
  • Acompanhamento das coberturas de vacinação.
  • Carga HoráriaAté 120 horas

    Curso online de
    Enfermagem em Imunização

    A enfermagem desenvolve um papel fundamental no Programa Nacional de Imunização por isso é necessário o total preparo destes profissionais. Seja na rede pública ou privada, o enfermeiro deve compreender os métodos e procedimentos da imunização, conhecer os tipos de vacina, passiva ou ativa, e saber as melhores formas de administrá-las, levando em consideração também a faixa etária do paciente. A imunização é importante para conferir resistência do organismo a certas doenças infeciosas, impedindo propagação de epidemias e preservando o bem-estar coletivo. O curso de Enfermagem em Imunização trata dos tipos de vacinas, conservação de medicamentos e outros tópicos essenciais.

    Enfermagem em Imunização

    Por: R$ 61,51ou X de

    Preço válido por 8 dias

    O que você vai aprender?

    Informações adicionais de cursos

    cargaHoraria80
    CursoDisponivel30
    PublicoAlvoO curso livre de Enfermagem em Imunização é voltado a estudantes e profissionais de enfermagem que queiram conhecer mais sobre o tema e/ou se atualizar para se destacar no mercado de trabalho.
    ConteudoCursoA história da saúde no Brasil
    A política de saúde brasileira
    Estrutura do serviço sanitário
    A era dos institutos
    O saneamento das cidades
    A revolta da vacina
    Programa nacional de imunizações (PNI)
    Rede de frio
    Sistema de refrigeração
    Princípios da refrigeração
    Transferência de calor
    Controle e monitoramento da temperatura
    Termômetro digital de momento, máximo e mínimo
    Termômetro analógico de momento, máxima e mínima
    Termômetro linear
    Termômetro analógico de cabo extensor
    Termômetro a Laser
    Situações emergenciais
    Equipamentos da rede de frio
    Câmaras frigoríficas
    Freezer ou congeladores
    Refrigeradores ou geladeiras
    Geladeira doméstica
    Refrigerador comercial
    Caixas térmicas
    Bobinas de gelo reutilizável
    Ambientação da bobina de gelo reutilizável
    Caminhão frigorífico
    Geladeira a gás/eletricidade
    Geladeira com paredes de gelo reutilizável
    Geladeira à energia solar
    Instâncias de armazenamento
    Nacional
    Estadual
    Regional ou distrital
    Municipal
    Local
    Transporte de imunobiológicos
    Imunobiológicos sob suspeita
    Sala de vacinas
    Sala de vacinação: organização e funcionamento
    Equipamentos básicos da sala de vacina
    Materiais utilizados na sala de vacina
    Impressos e manuais técnicos e operacionais
    O funcionamento da sala de vacinação
    Limpeza da sala de vacinas
    Procedimentos preliminares à administração
    Lavagem das mãos
    Cuidados básicos com materiais descartáveis
    Cuidados básicos para remoção e reconstituição de soluções
    Remoção de soluções acondicionadas em ampola de vidro
    Remoção de soluções acondicionadas em frasco-ampola com tampa de borracha
    Reconstituição de soluções apresentadas sob a forma liofilizada
    Cuidados básicos segundo as vias de administração das vacinas
    Via oral
    Via intradérmica
    Via subcutânea (SC)
    Via intramuscular (IM)
    Via endovenosa (EV)
    Registro das atividades e arquivos da sala de vacinação
    Impressos padronizados em instância nacional
    Cartão da criança
    Cartão de controle
    Cartão do adulto
    Cartão da gestante
    Boletim diário de vacinação
    Boletim mensal de doses aplicadas de vacinas
    Inutilização de imunobiológicos
    Movimento mensal de imunobiológicos e insumos
    Mapa para controle diário de temperatura
    Ficha de investigação dos eventos adversos pós-vacinação
    Fundamentos imunológicos
    Imunidade celular
    Imunidade humoral
    Complexos de histocompatibilidade
    Antígenos t-dependentes e t-independentes
    Integração de mecanismos de imunidade específica e inespecífica
    Agentes imunizantes
    Natureza
    Composição
    Fatores próprios das vacinas
    Origem das vacinas
    Controle de qualidade
    Conservação
    Vias de administração
    Pessoa a ser vacinada
    Contraindicações
    Gerais
    Específicas
    Falsas contraindicações
    Adiamento de vacinação
    Associação de vacinas
    Situações especiais
    Surtos ou epidemias
    Vacinação de escolares
    Campanha de vacinação
    Calendário básico de vacinações de rotina
    Calendário de vacinação para crianças até seis anos de idade
    Calendário de vacinação para crianças maiores de sete anos e adolescentes
    Calendário de vacinação para adultos entre 20 e 59 anos
    Calendário de vacinação para adultos com 60 anos ou mais de idade
    Vacinas
    Vacina contra tuberculose (BCG)
    Vacina contra hepatite B
    Vacina oral contra poliomielite
    Vacina contra difteria, tétano e coqueluche e a infecção pelo haemophilus influenzae tipo B
    Vacina contra difteria, tétano e coqueluche
    Vacina contra difteria e tétano
    Vacina contra o tétano
    Vacina contra sarampo, caxumba e rubéola
    Vacina contra febre amarela
    Vacina contra a influenza (gripe)
    Vacina contra pneumococo
    Vacina e soro contra raiva
    Vacina contra febre tifoide
    Vacina meningocócica A + C
    Vacina meningocócica C
    Vacinação de rotina da gestante
    Eventos adversos pós-vacinação
    Eventos adversos - conceitos gerais
    Processo de desenvolvimento de novas vacinas
    Complicações ou reações não imunológicas
    Complicações ou reações imunológicas
    Medidas de prevenção dos eventos adversos pós-vacinação
    Causas dos eventos adversos pós-vacinação
    Identificação dos fatores relacionados aos vacinados
    Aspectos relacionados aos componentes da vacina
    Aspectos relacionados à técnica de aplicação da vacina
    Condutas diante de um evento adverso
    O sistema nacional de vigilância dos eventos adversos pós-vacinação
    Notificação de um evento adverso pós-vacinação
    Encaminhamento da ficha de notificação dos eventos adversos pós-vacinação
    Importância do sistema nacional dos eventos adversos pós-vacinação
    Monitoramento e avaliação das atividades de vacinação
    Acompanhamento das atividades
    Monitoramento
    Supervisão
    Atribuições do supervisor
    Aspectos específicos da supervisão à atividade de vacinação
    Avaliação de resultados e de impacto
    Acompanhamento das coberturas de vacinação.
    NivelAvançado
    o que voce vai aprender
  • A história da saúde no Brasil
  • A política de saúde brasileira
  • Estrutura do serviço sanitário
  • A era dos institutos
  • O saneamento das cidades
  • A revolta da vacina
  • Programa nacional de imunizações (PNI)
  • Rede de frio
  • Sistema de refrigeração
  • Princípios da refrigeração
  • Transferência de calor
  • Controle e monitoramento da temperatura
  • Termômetro digital de momento, máximo e mínimo
  • Termômetro analógico de momento, máxima e mínima
  • Termômetro linear
  • Termômetro analógico de cabo extensor
  • Termômetro a Laser
  • Situações emergenciais
  • Equipamentos da rede de frio
  • Câmaras frigoríficas
  • Freezer ou congeladores
  • Refrigeradores ou geladeiras
  • Geladeira doméstica
  • Refrigerador comercial
  • Caixas térmicas
  • Bobinas de gelo reutilizável
  • Ambientação da bobina de gelo reutilizável
  • Caminhão frigorífico
  • Geladeira a gás/eletricidade
  • Geladeira com paredes de gelo reutilizável
  • Geladeira à energia solar
  • Instâncias de armazenamento
  • Nacional
  • Estadual
  • Regional ou distrital
  • Municipal
  • Local
  • Transporte de imunobiológicos
  • Imunobiológicos sob suspeita
  • Sala de vacinas
  • Sala de vacinação: organização e funcionamento
  • Equipamentos básicos da sala de vacina
  • Materiais utilizados na sala de vacina
  • Impressos e manuais técnicos e operacionais
  • O funcionamento da sala de vacinação
  • Limpeza da sala de vacinas
  • Procedimentos preliminares à administração
  • Lavagem das mãos
  • Cuidados básicos com materiais descartáveis
  • Cuidados básicos para remoção e reconstituição de soluções
  • Remoção de soluções acondicionadas em ampola de vidro
  • Remoção de soluções acondicionadas em frasco-ampola com tampa de borracha
  • Reconstituição de soluções apresentadas sob a forma liofilizada
  • Cuidados básicos segundo as vias de administração das vacinas
  • Via oral
  • Via intradérmica
  • Via subcutânea (SC)
  • Via intramuscular (IM)
  • Via endovenosa (EV)
  • Registro das atividades e arquivos da sala de vacinação
  • Impressos padronizados em instância nacional
  • Cartão da criança
  • Cartão de controle
  • Cartão do adulto
  • Cartão da gestante
  • Boletim diário de vacinação
  • Boletim mensal de doses aplicadas de vacinas
  • Inutilização de imunobiológicos
  • Movimento mensal de imunobiológicos e insumos
  • Mapa para controle diário de temperatura
  • Ficha de investigação dos eventos adversos pós-vacinação
  • Fundamentos imunológicos
  • Imunidade celular
  • Imunidade humoral
  • Complexos de histocompatibilidade
  • Antígenos t-dependentes e t-independentes
  • Integração de mecanismos de imunidade específica e inespecífica
  • Agentes imunizantes
  • Natureza
  • Composição
  • Fatores próprios das vacinas
  • Origem das vacinas
  • Controle de qualidade
  • Conservação
  • Vias de administração
  • Pessoa a ser vacinada
  • Contraindicações
  • Gerais
  • Específicas
  • Falsas contraindicações
  • Adiamento de vacinação
  • Associação de vacinas
  • Situações especiais
  • Surtos ou epidemias
  • Vacinação de escolares
  • Campanha de vacinação
  • Calendário básico de vacinações de rotina
  • Calendário de vacinação para crianças até seis anos de idade
  • Calendário de vacinação para crianças maiores de sete anos e adolescentes
  • Calendário de vacinação para adultos entre 20 e 59 anos
  • Calendário de vacinação para adultos com 60 anos ou mais de idade
  • Vacinas
  • Vacina contra tuberculose (BCG)
  • Vacina contra hepatite B
  • Vacina oral contra poliomielite
  • Vacina contra difteria, tétano e coqueluche e a infecção pelo haemophilus influenzae tipo B
  • Vacina contra difteria, tétano e coqueluche
  • Vacina contra difteria e tétano
  • Vacina contra o tétano
  • Vacina contra sarampo, caxumba e rubéola
  • Vacina contra febre amarela
  • Vacina contra a influenza (gripe)
  • Vacina contra pneumococo
  • Vacina e soro contra raiva
  • Vacina contra febre tifoide
  • Vacina meningocócica A + C
  • Vacina meningocócica C
  • Vacinação de rotina da gestante
  • Eventos adversos pós-vacinação
  • Eventos adversos - conceitos gerais
  • Processo de desenvolvimento de novas vacinas
  • Complicações ou reações não imunológicas
  • Complicações ou reações imunológicas
  • Medidas de prevenção dos eventos adversos pós-vacinação
  • Causas dos eventos adversos pós-vacinação
  • Identificação dos fatores relacionados aos vacinados
  • Aspectos relacionados aos componentes da vacina
  • Aspectos relacionados à técnica de aplicação da vacina
  • Condutas diante de um evento adverso
  • O sistema nacional de vigilância dos eventos adversos pós-vacinação
  • Notificação de um evento adverso pós-vacinação
  • Encaminhamento da ficha de notificação dos eventos adversos pós-vacinação
  • Importância do sistema nacional dos eventos adversos pós-vacinação
  • Monitoramento e avaliação das atividades de vacinação
  • Acompanhamento das atividades
  • Monitoramento
  • Supervisão
  • Atribuições do supervisor
  • Aspectos específicos da supervisão à atividade de vacinação
  • Avaliação de resultados e de impacto
  • Acompanhamento das coberturas de vacinação.
  • Carga HoráriaAté 120 horas
    Comprar
    adicionar ao carrinho

    Para quem é esse curso?

    Informações adicionais de cursos

    cargaHoraria80
    CursoDisponivel30
    PublicoAlvoO curso livre de Enfermagem em Imunização é voltado a estudantes e profissionais de enfermagem que queiram conhecer mais sobre o tema e/ou se atualizar para se destacar no mercado de trabalho.
    ConteudoCursoA história da saúde no Brasil
    A política de saúde brasileira
    Estrutura do serviço sanitário
    A era dos institutos
    O saneamento das cidades
    A revolta da vacina
    Programa nacional de imunizações (PNI)
    Rede de frio
    Sistema de refrigeração
    Princípios da refrigeração
    Transferência de calor
    Controle e monitoramento da temperatura
    Termômetro digital de momento, máximo e mínimo
    Termômetro analógico de momento, máxima e mínima
    Termômetro linear
    Termômetro analógico de cabo extensor
    Termômetro a Laser
    Situações emergenciais
    Equipamentos da rede de frio
    Câmaras frigoríficas
    Freezer ou congeladores
    Refrigeradores ou geladeiras
    Geladeira doméstica
    Refrigerador comercial
    Caixas térmicas
    Bobinas de gelo reutilizável
    Ambientação da bobina de gelo reutilizável
    Caminhão frigorífico
    Geladeira a gás/eletricidade
    Geladeira com paredes de gelo reutilizável
    Geladeira à energia solar
    Instâncias de armazenamento
    Nacional
    Estadual
    Regional ou distrital
    Municipal
    Local
    Transporte de imunobiológicos
    Imunobiológicos sob suspeita
    Sala de vacinas
    Sala de vacinação: organização e funcionamento
    Equipamentos básicos da sala de vacina
    Materiais utilizados na sala de vacina
    Impressos e manuais técnicos e operacionais
    O funcionamento da sala de vacinação
    Limpeza da sala de vacinas
    Procedimentos preliminares à administração
    Lavagem das mãos
    Cuidados básicos com materiais descartáveis
    Cuidados básicos para remoção e reconstituição de soluções
    Remoção de soluções acondicionadas em ampola de vidro
    Remoção de soluções acondicionadas em frasco-ampola com tampa de borracha
    Reconstituição de soluções apresentadas sob a forma liofilizada
    Cuidados básicos segundo as vias de administração das vacinas
    Via oral
    Via intradérmica
    Via subcutânea (SC)
    Via intramuscular (IM)
    Via endovenosa (EV)
    Registro das atividades e arquivos da sala de vacinação
    Impressos padronizados em instância nacional
    Cartão da criança
    Cartão de controle
    Cartão do adulto
    Cartão da gestante
    Boletim diário de vacinação
    Boletim mensal de doses aplicadas de vacinas
    Inutilização de imunobiológicos
    Movimento mensal de imunobiológicos e insumos
    Mapa para controle diário de temperatura
    Ficha de investigação dos eventos adversos pós-vacinação
    Fundamentos imunológicos
    Imunidade celular
    Imunidade humoral
    Complexos de histocompatibilidade
    Antígenos t-dependentes e t-independentes
    Integração de mecanismos de imunidade específica e inespecífica
    Agentes imunizantes
    Natureza
    Composição
    Fatores próprios das vacinas
    Origem das vacinas
    Controle de qualidade
    Conservação
    Vias de administração
    Pessoa a ser vacinada
    Contraindicações
    Gerais
    Específicas
    Falsas contraindicações
    Adiamento de vacinação
    Associação de vacinas
    Situações especiais
    Surtos ou epidemias
    Vacinação de escolares
    Campanha de vacinação
    Calendário básico de vacinações de rotina
    Calendário de vacinação para crianças até seis anos de idade
    Calendário de vacinação para crianças maiores de sete anos e adolescentes
    Calendário de vacinação para adultos entre 20 e 59 anos
    Calendário de vacinação para adultos com 60 anos ou mais de idade
    Vacinas
    Vacina contra tuberculose (BCG)
    Vacina contra hepatite B
    Vacina oral contra poliomielite
    Vacina contra difteria, tétano e coqueluche e a infecção pelo haemophilus influenzae tipo B
    Vacina contra difteria, tétano e coqueluche
    Vacina contra difteria e tétano
    Vacina contra o tétano
    Vacina contra sarampo, caxumba e rubéola
    Vacina contra febre amarela
    Vacina contra a influenza (gripe)
    Vacina contra pneumococo
    Vacina e soro contra raiva
    Vacina contra febre tifoide
    Vacina meningocócica A + C
    Vacina meningocócica C
    Vacinação de rotina da gestante
    Eventos adversos pós-vacinação
    Eventos adversos - conceitos gerais
    Processo de desenvolvimento de novas vacinas
    Complicações ou reações não imunológicas
    Complicações ou reações imunológicas
    Medidas de prevenção dos eventos adversos pós-vacinação
    Causas dos eventos adversos pós-vacinação
    Identificação dos fatores relacionados aos vacinados
    Aspectos relacionados aos componentes da vacina
    Aspectos relacionados à técnica de aplicação da vacina
    Condutas diante de um evento adverso
    O sistema nacional de vigilância dos eventos adversos pós-vacinação
    Notificação de um evento adverso pós-vacinação
    Encaminhamento da ficha de notificação dos eventos adversos pós-vacinação
    Importância do sistema nacional dos eventos adversos pós-vacinação
    Monitoramento e avaliação das atividades de vacinação
    Acompanhamento das atividades
    Monitoramento
    Supervisão
    Atribuições do supervisor
    Aspectos específicos da supervisão à atividade de vacinação
    Avaliação de resultados e de impacto
    Acompanhamento das coberturas de vacinação.
    NivelAvançado
    o que voce vai aprender
  • A história da saúde no Brasil
  • A política de saúde brasileira
  • Estrutura do serviço sanitário
  • A era dos institutos
  • O saneamento das cidades
  • A revolta da vacina
  • Programa nacional de imunizações (PNI)
  • Rede de frio
  • Sistema de refrigeração
  • Princípios da refrigeração
  • Transferência de calor
  • Controle e monitoramento da temperatura
  • Termômetro digital de momento, máximo e mínimo
  • Termômetro analógico de momento, máxima e mínima
  • Termômetro linear
  • Termômetro analógico de cabo extensor
  • Termômetro a Laser
  • Situações emergenciais
  • Equipamentos da rede de frio
  • Câmaras frigoríficas
  • Freezer ou congeladores
  • Refrigeradores ou geladeiras
  • Geladeira doméstica
  • Refrigerador comercial
  • Caixas térmicas
  • Bobinas de gelo reutilizável
  • Ambientação da bobina de gelo reutilizável
  • Caminhão frigorífico
  • Geladeira a gás/eletricidade
  • Geladeira com paredes de gelo reutilizável
  • Geladeira à energia solar
  • Instâncias de armazenamento
  • Nacional
  • Estadual
  • Regional ou distrital
  • Municipal
  • Local
  • Transporte de imunobiológicos
  • Imunobiológicos sob suspeita
  • Sala de vacinas
  • Sala de vacinação: organização e funcionamento
  • Equipamentos básicos da sala de vacina
  • Materiais utilizados na sala de vacina
  • Impressos e manuais técnicos e operacionais
  • O funcionamento da sala de vacinação
  • Limpeza da sala de vacinas
  • Procedimentos preliminares à administração
  • Lavagem das mãos
  • Cuidados básicos com materiais descartáveis
  • Cuidados básicos para remoção e reconstituição de soluções
  • Remoção de soluções acondicionadas em ampola de vidro
  • Remoção de soluções acondicionadas em frasco-ampola com tampa de borracha
  • Reconstituição de soluções apresentadas sob a forma liofilizada
  • Cuidados básicos segundo as vias de administração das vacinas
  • Via oral
  • Via intradérmica
  • Via subcutânea (SC)
  • Via intramuscular (IM)
  • Via endovenosa (EV)
  • Registro das atividades e arquivos da sala de vacinação
  • Impressos padronizados em instância nacional
  • Cartão da criança
  • Cartão de controle
  • Cartão do adulto
  • Cartão da gestante
  • Boletim diário de vacinação
  • Boletim mensal de doses aplicadas de vacinas
  • Inutilização de imunobiológicos
  • Movimento mensal de imunobiológicos e insumos
  • Mapa para controle diário de temperatura
  • Ficha de investigação dos eventos adversos pós-vacinação
  • Fundamentos imunológicos
  • Imunidade celular
  • Imunidade humoral
  • Complexos de histocompatibilidade
  • Antígenos t-dependentes e t-independentes
  • Integração de mecanismos de imunidade específica e inespecífica
  • Agentes imunizantes
  • Natureza
  • Composição
  • Fatores próprios das vacinas
  • Origem das vacinas
  • Controle de qualidade
  • Conservação
  • Vias de administração
  • Pessoa a ser vacinada
  • Contraindicações
  • Gerais
  • Específicas
  • Falsas contraindicações
  • Adiamento de vacinação
  • Associação de vacinas
  • Situações especiais
  • Surtos ou epidemias
  • Vacinação de escolares
  • Campanha de vacinação
  • Calendário básico de vacinações de rotina
  • Calendário de vacinação para crianças até seis anos de idade
  • Calendário de vacinação para crianças maiores de sete anos e adolescentes
  • Calendário de vacinação para adultos entre 20 e 59 anos
  • Calendário de vacinação para adultos com 60 anos ou mais de idade
  • Vacinas
  • Vacina contra tuberculose (BCG)
  • Vacina contra hepatite B
  • Vacina oral contra poliomielite
  • Vacina contra difteria, tétano e coqueluche e a infecção pelo haemophilus influenzae tipo B
  • Vacina contra difteria, tétano e coqueluche
  • Vacina contra difteria e tétano
  • Vacina contra o tétano
  • Vacina contra sarampo, caxumba e rubéola
  • Vacina contra febre amarela
  • Vacina contra a influenza (gripe)
  • Vacina contra pneumococo
  • Vacina e soro contra raiva
  • Vacina contra febre tifoide
  • Vacina meningocócica A + C
  • Vacina meningocócica C
  • Vacinação de rotina da gestante
  • Eventos adversos pós-vacinação
  • Eventos adversos - conceitos gerais
  • Processo de desenvolvimento de novas vacinas
  • Complicações ou reações não imunológicas
  • Complicações ou reações imunológicas
  • Medidas de prevenção dos eventos adversos pós-vacinação
  • Causas dos eventos adversos pós-vacinação
  • Identificação dos fatores relacionados aos vacinados
  • Aspectos relacionados aos componentes da vacina
  • Aspectos relacionados à técnica de aplicação da vacina
  • Condutas diante de um evento adverso
  • O sistema nacional de vigilância dos eventos adversos pós-vacinação
  • Notificação de um evento adverso pós-vacinação
  • Encaminhamento da ficha de notificação dos eventos adversos pós-vacinação
  • Importância do sistema nacional dos eventos adversos pós-vacinação
  • Monitoramento e avaliação das atividades de vacinação
  • Acompanhamento das atividades
  • Monitoramento
  • Supervisão
  • Atribuições do supervisor
  • Aspectos específicos da supervisão à atividade de vacinação
  • Avaliação de resultados e de impacto
  • Acompanhamento das coberturas de vacinação.
  • Carga HoráriaAté 120 horas

    O que você vai aprender?

    Informações adicionais de cursos

    cargaHoraria80
    CursoDisponivel30
    PublicoAlvoO curso livre de Enfermagem em Imunização é voltado a estudantes e profissionais de enfermagem que queiram conhecer mais sobre o tema e/ou se atualizar para se destacar no mercado de trabalho.
    ConteudoCursoA história da saúde no Brasil
    A política de saúde brasileira
    Estrutura do serviço sanitário
    A era dos institutos
    O saneamento das cidades
    A revolta da vacina
    Programa nacional de imunizações (PNI)
    Rede de frio
    Sistema de refrigeração
    Princípios da refrigeração
    Transferência de calor
    Controle e monitoramento da temperatura
    Termômetro digital de momento, máximo e mínimo
    Termômetro analógico de momento, máxima e mínima
    Termômetro linear
    Termômetro analógico de cabo extensor
    Termômetro a Laser
    Situações emergenciais
    Equipamentos da rede de frio
    Câmaras frigoríficas
    Freezer ou congeladores
    Refrigeradores ou geladeiras
    Geladeira doméstica
    Refrigerador comercial
    Caixas térmicas
    Bobinas de gelo reutilizável
    Ambientação da bobina de gelo reutilizável
    Caminhão frigorífico
    Geladeira a gás/eletricidade
    Geladeira com paredes de gelo reutilizável
    Geladeira à energia solar
    Instâncias de armazenamento
    Nacional
    Estadual
    Regional ou distrital
    Municipal
    Local
    Transporte de imunobiológicos
    Imunobiológicos sob suspeita
    Sala de vacinas
    Sala de vacinação: organização e funcionamento
    Equipamentos básicos da sala de vacina
    Materiais utilizados na sala de vacina
    Impressos e manuais técnicos e operacionais
    O funcionamento da sala de vacinação
    Limpeza da sala de vacinas
    Procedimentos preliminares à administração
    Lavagem das mãos
    Cuidados básicos com materiais descartáveis
    Cuidados básicos para remoção e reconstituição de soluções
    Remoção de soluções acondicionadas em ampola de vidro
    Remoção de soluções acondicionadas em frasco-ampola com tampa de borracha
    Reconstituição de soluções apresentadas sob a forma liofilizada
    Cuidados básicos segundo as vias de administração das vacinas
    Via oral
    Via intradérmica
    Via subcutânea (SC)
    Via intramuscular (IM)
    Via endovenosa (EV)
    Registro das atividades e arquivos da sala de vacinação
    Impressos padronizados em instância nacional
    Cartão da criança
    Cartão de controle
    Cartão do adulto
    Cartão da gestante
    Boletim diário de vacinação
    Boletim mensal de doses aplicadas de vacinas
    Inutilização de imunobiológicos
    Movimento mensal de imunobiológicos e insumos
    Mapa para controle diário de temperatura
    Ficha de investigação dos eventos adversos pós-vacinação
    Fundamentos imunológicos
    Imunidade celular
    Imunidade humoral
    Complexos de histocompatibilidade
    Antígenos t-dependentes e t-independentes
    Integração de mecanismos de imunidade específica e inespecífica
    Agentes imunizantes
    Natureza
    Composição
    Fatores próprios das vacinas
    Origem das vacinas
    Controle de qualidade
    Conservação
    Vias de administração
    Pessoa a ser vacinada
    Contraindicações
    Gerais
    Específicas
    Falsas contraindicações
    Adiamento de vacinação
    Associação de vacinas
    Situações especiais
    Surtos ou epidemias
    Vacinação de escolares
    Campanha de vacinação
    Calendário básico de vacinações de rotina
    Calendário de vacinação para crianças até seis anos de idade
    Calendário de vacinação para crianças maiores de sete anos e adolescentes
    Calendário de vacinação para adultos entre 20 e 59 anos
    Calendário de vacinação para adultos com 60 anos ou mais de idade
    Vacinas
    Vacina contra tuberculose (BCG)
    Vacina contra hepatite B
    Vacina oral contra poliomielite
    Vacina contra difteria, tétano e coqueluche e a infecção pelo haemophilus influenzae tipo B
    Vacina contra difteria, tétano e coqueluche
    Vacina contra difteria e tétano
    Vacina contra o tétano
    Vacina contra sarampo, caxumba e rubéola
    Vacina contra febre amarela
    Vacina contra a influenza (gripe)
    Vacina contra pneumococo
    Vacina e soro contra raiva
    Vacina contra febre tifoide
    Vacina meningocócica A + C
    Vacina meningocócica C
    Vacinação de rotina da gestante
    Eventos adversos pós-vacinação
    Eventos adversos - conceitos gerais
    Processo de desenvolvimento de novas vacinas
    Complicações ou reações não imunológicas
    Complicações ou reações imunológicas
    Medidas de prevenção dos eventos adversos pós-vacinação
    Causas dos eventos adversos pós-vacinação
    Identificação dos fatores relacionados aos vacinados
    Aspectos relacionados aos componentes da vacina
    Aspectos relacionados à técnica de aplicação da vacina
    Condutas diante de um evento adverso
    O sistema nacional de vigilância dos eventos adversos pós-vacinação
    Notificação de um evento adverso pós-vacinação
    Encaminhamento da ficha de notificação dos eventos adversos pós-vacinação
    Importância do sistema nacional dos eventos adversos pós-vacinação
    Monitoramento e avaliação das atividades de vacinação
    Acompanhamento das atividades
    Monitoramento
    Supervisão
    Atribuições do supervisor
    Aspectos específicos da supervisão à atividade de vacinação
    Avaliação de resultados e de impacto
    Acompanhamento das coberturas de vacinação.
    NivelAvançado
    o que voce vai aprender
  • A história da saúde no Brasil
  • A política de saúde brasileira
  • Estrutura do serviço sanitário
  • A era dos institutos
  • O saneamento das cidades
  • A revolta da vacina
  • Programa nacional de imunizações (PNI)
  • Rede de frio
  • Sistema de refrigeração
  • Princípios da refrigeração
  • Transferência de calor
  • Controle e monitoramento da temperatura
  • Termômetro digital de momento, máximo e mínimo
  • Termômetro analógico de momento, máxima e mínima
  • Termômetro linear
  • Termômetro analógico de cabo extensor
  • Termômetro a Laser
  • Situações emergenciais
  • Equipamentos da rede de frio
  • Câmaras frigoríficas
  • Freezer ou congeladores
  • Refrigeradores ou geladeiras
  • Geladeira doméstica
  • Refrigerador comercial
  • Caixas térmicas
  • Bobinas de gelo reutilizável
  • Ambientação da bobina de gelo reutilizável
  • Caminhão frigorífico
  • Geladeira a gás/eletricidade
  • Geladeira com paredes de gelo reutilizável
  • Geladeira à energia solar
  • Instâncias de armazenamento
  • Nacional
  • Estadual
  • Regional ou distrital
  • Municipal
  • Local
  • Transporte de imunobiológicos
  • Imunobiológicos sob suspeita
  • Sala de vacinas
  • Sala de vacinação: organização e funcionamento
  • Equipamentos básicos da sala de vacina
  • Materiais utilizados na sala de vacina
  • Impressos e manuais técnicos e operacionais
  • O funcionamento da sala de vacinação
  • Limpeza da sala de vacinas
  • Procedimentos preliminares à administração
  • Lavagem das mãos
  • Cuidados básicos com materiais descartáveis
  • Cuidados básicos para remoção e reconstituição de soluções
  • Remoção de soluções acondicionadas em ampola de vidro
  • Remoção de soluções acondicionadas em frasco-ampola com tampa de borracha
  • Reconstituição de soluções apresentadas sob a forma liofilizada
  • Cuidados básicos segundo as vias de administração das vacinas
  • Via oral
  • Via intradérmica
  • Via subcutânea (SC)
  • Via intramuscular (IM)
  • Via endovenosa (EV)
  • Registro das atividades e arquivos da sala de vacinação
  • Impressos padronizados em instância nacional
  • Cartão da criança
  • Cartão de controle
  • Cartão do adulto
  • Cartão da gestante
  • Boletim diário de vacinação
  • Boletim mensal de doses aplicadas de vacinas
  • Inutilização de imunobiológicos
  • Movimento mensal de imunobiológicos e insumos
  • Mapa para controle diário de temperatura
  • Ficha de investigação dos eventos adversos pós-vacinação
  • Fundamentos imunológicos
  • Imunidade celular
  • Imunidade humoral
  • Complexos de histocompatibilidade
  • Antígenos t-dependentes e t-independentes
  • Integração de mecanismos de imunidade específica e inespecífica
  • Agentes imunizantes
  • Natureza
  • Composição
  • Fatores próprios das vacinas
  • Origem das vacinas
  • Controle de qualidade
  • Conservação
  • Vias de administração
  • Pessoa a ser vacinada
  • Contraindicações
  • Gerais
  • Específicas
  • Falsas contraindicações
  • Adiamento de vacinação
  • Associação de vacinas
  • Situações especiais
  • Surtos ou epidemias
  • Vacinação de escolares
  • Campanha de vacinação
  • Calendário básico de vacinações de rotina
  • Calendário de vacinação para crianças até seis anos de idade
  • Calendário de vacinação para crianças maiores de sete anos e adolescentes
  • Calendário de vacinação para adultos entre 20 e 59 anos
  • Calendário de vacinação para adultos com 60 anos ou mais de idade
  • Vacinas
  • Vacina contra tuberculose (BCG)
  • Vacina contra hepatite B
  • Vacina oral contra poliomielite
  • Vacina contra difteria, tétano e coqueluche e a infecção pelo haemophilus influenzae tipo B
  • Vacina contra difteria, tétano e coqueluche
  • Vacina contra difteria e tétano
  • Vacina contra o tétano
  • Vacina contra sarampo, caxumba e rubéola
  • Vacina contra febre amarela
  • Vacina contra a influenza (gripe)
  • Vacina contra pneumococo
  • Vacina e soro contra raiva
  • Vacina contra febre tifoide
  • Vacina meningocócica A + C
  • Vacina meningocócica C
  • Vacinação de rotina da gestante
  • Eventos adversos pós-vacinação
  • Eventos adversos - conceitos gerais
  • Processo de desenvolvimento de novas vacinas
  • Complicações ou reações não imunológicas
  • Complicações ou reações imunológicas
  • Medidas de prevenção dos eventos adversos pós-vacinação
  • Causas dos eventos adversos pós-vacinação
  • Identificação dos fatores relacionados aos vacinados
  • Aspectos relacionados aos componentes da vacina
  • Aspectos relacionados à técnica de aplicação da vacina
  • Condutas diante de um evento adverso
  • O sistema nacional de vigilância dos eventos adversos pós-vacinação
  • Notificação de um evento adverso pós-vacinação
  • Encaminhamento da ficha de notificação dos eventos adversos pós-vacinação
  • Importância do sistema nacional dos eventos adversos pós-vacinação
  • Monitoramento e avaliação das atividades de vacinação
  • Acompanhamento das atividades
  • Monitoramento
  • Supervisão
  • Atribuições do supervisor
  • Aspectos específicos da supervisão à atividade de vacinação
  • Avaliação de resultados e de impacto
  • Acompanhamento das coberturas de vacinação.
  • Carga HoráriaAté 120 horas

    + Ver Mais

    Como funciona o curso? Ele é autorizado pelo MEC?

    É tudo online.Os cursos do Portal Educação te ensinam por intermédio da EaD (Educação a Distância), com animações e games (do tipo quiz) que estimulam a interatividade e a interação. O Portal Educação oferece cursos livres, de atualização e qualificação. Ou seja, são destinados a proporcionar ao trabalhador conhecimentos que lhe permitam se atualizar e não exigem escolaridade anterior. O MEC (Ministério da Educação), trata da política nacional de educação em geral, mas autoriza apenas cursos de graduação e pós-graduação. Os cursos técnicos e profissionalizantes são autorizados pelas Secretarias Estaduais de Educação.

    + Ver Mais

    Vou aprender mesmo?

    Com toda a certeza!! Os cursos do Portal Educação são dinâmicos e com várias vantagens comparadas a um curso presencial. Você terá recursos como:
    • Tutores disponíveis para ajudar em todas as suas dúvidas no decorrer do estudo;
    • Chat para conversar com outros alunos da turma e aumentar sua rede de contatos;
    • Flexibilidade TOTAL de estudo, 24h por dia, sem limite de acesso!
    Fora que essa modalidade possui valores mais acessíveis.

    + Ver Mais

    Como funciona a prova?

    As provas variam um pouco de curso para curso. São 2 tipos:
    • Avaliação Online dos Cursos Profissionalizantes: 20 questões objetivas, as quais devem ser feitas em 2 horas, prova única e referente a todo o conteúdo do curso.
    • Avaliação Online dos Cursos Livres: 10 questões objetivas, as quais devem ser feitas em 1 hora, prova única e referente a todo o conteúdo do curso.
    Os estudos, atividades e avaliações devem ser feitos dentro do prazo estipulado no calendário do curso.
    A média final deve ser igual ou superior a 60% para a conclusão e recebimento do certificado do curso. Em caso de reprovação, o aluno poderá efetuar sua rematrícula com 70% de desconto no valor do curso entrando em contato com o nosso Serviço de Relacionamento com o Cliente. Dessa forma, será possível estudar novamente todos os módulos do curso e fazer uma nova prova online. Os cursos gratuitos não possuem: rematrícula, nova prova, atividades reflexivas e descritivas. Os cursos de idiomas e Pós-Graduação possuem procedimentos diferenciados.

    + Ver Mais

    Tem certificado?

    Os alunos aprovados receberão o Certificado Digital em seu espaço virtual, após a nota média e prazo mínimo de estudo exigido.
    Caso o aluno queira uma versão impressa de seu certificado Digital, após o pagamento de uma taxa de emissão, o prazo de entrega via Correios é entre 15 e 20 dias.
    Os cursos do Portal Educação lhe dão a certificação de capacitação profissional, aperfeiçoamento e extensão. É importante saber que esses títulos não se equivalem às certificações de cursos técnicos ou de formação escolar, e não dão o direito de assumir responsabilidades técnicas.

    + Ver Mais

    CERTIFICADO DIGITAL

    Certificado digital de participação no curso. Válido em todo território nacional.

    ESTUDE NO SEU TEMPO

    Cursos online de fácil acesso para você estudar no seu tempo, em qualquer lugar.

    MATERIAL MULTÍMIDIA

    Conteúdo interativo e dinâmico para tornar o seu aprendizado mais fácil.

    Cadastre-se E RECEBA NOVIDADES SOBRE TODAS NOSSAS ÁREAS

    1.654.900

    Cursos Realizados

    738.806

    Pessoas Qualificadas

    50

    Prêmios Recebidos

    SOBRE O PORTAL EDUCAÇÃO E UOL EDTECH

    O Portal Educação é a maior plataforma EAD do Brasil, com 17 anos de expertise no mercado de Educação a Distância, hoje também faz parte grupo UOL EdTech, a maior empresa de tecnologia para educação do Brasil.