Grapefruit ou toranja

Grapefruit ou toranja
NUTRICAO

 INTRODUÇÃO

O "grapefruit" (ou toranja) é um ingrediente pouco conhecido no Brasil, com exceção, talvez, nos Estados do sul, onde é chamado de pomelo. "Não tem muita aceitação no Brasil, mesmo o país sendo o maior produtor mundial de cítricos. Não é do paladar do brasileiro, e a produção é muito restrita", explica Ildo Lederman, coordenador do Laboratório de Pós-Colheita de Frutas do IPA (Instituto Agronômico de Pernambuco). 1

Foi introduzido na Flórida em 1823 e demorou para se tornar popular --mais uma vez, o sabor amargo pode ter uma parcela de culpa, assim como a dificuldade de descascá-lo do modo como se faz com as laranjas. Dali, o cultivo se espalhou para outras áreas nos EUA e depois para o exterior. Hoje, Israel, Argentina, Espanha, Marrocos e África do Sul são os principais produtores. 1

Existem várias espécies, com polpa que varia do amarelo ao rosa, de sabor amargo a levemente adocicado. Costuma ser servido no café da manhã ou como entrada, normalmente aberto em metades. 1

Possui vitamina C e é rica em flavonóides, com atividade antioxidante. "O suco ou a fruta ajudam a reduzir as placas de aterosclerose", diz. "Alguns estudos mostram que inibe a formação de células de câncer de mama.” 1

Existem várias espécies de Grapefruit, com polpa que varia do amarelo ao rosa, de sabor amargo a levemente adocicado. Costuma ser servido no café da manhã ou como entrada, normalmente aberto em metades. 2

As duas principais variedades de Grapefruit são Duncan, a predileta da indústria, com muitas sementes e sabor agradável, e Marsh, sem sementes e menos saborosa. Cerca de metade da produção mundial de Grapefruit é transformada em suco. 2



REFERENCIAL TEÓRICO

Grapefruit e interações
Já se sabe, entretanto, que a fruta interage com medicamentos como estatina, anti-histamínicos e algumas quimioterapias, deixando doses excedentes de medicação no sangue, o que pode até ser tóxico. Mas pessoas saudáveis que não tomam essas drogas podem consumi-la normalmente. 1


Propriedades do grapefruit 2,3
O Grapefruit (ou toranja) é o maior cítrico disponível, e pouco conhecido no Brasil, pois seu sabor amargo não se encaixa no paladar brasileiro.
É desintoxicante;
Reforça a imunidade;
Há várias variedades, mas a mais cor de rosa é as mais doces e as mais ricas em betacaroteno;

A película branca que rodeia o fruto tem pectina, uma fibra solúvel que ajuda a eliminar as toxinas.

Grapefruit ou Toranja tem um alto teor de vitamina C e é, portanto, valioso para o sistema imunológico. Ele ajuda a proteger contra resfriados e gripe, tem um efeito muito positivo sobre a obesidade e também tem propriedades diuréticas, ajudando a remover o excesso de água do corpo e, portanto, é também potente para o tratamento da celulite. 4


Ele tem um efeito edificante sobre o humor e ajuda com o stress e depressão. Ele é usado com grande sucesso para combater a fadiga muscular e rigidez enquanto estimula o sistema linfático e, assim, limpar o corpo das toxinas. 4


Existe o óleo de toranja que além de ajudar a limpar a pele oleosa e congestionada, também ajuda a minimizar a acne e tonifica a pele e os tecidos. 4


Estudo Americano (original em inglês) 5
O estudo piloto de 12 semanas, conduzido pelo Dr. Ken Fujioka, peso monitorado e fatores metabólicos, como a secreção de insulina, dos 100 homens e mulheres que participaram do estudo 'Diet toranja' da Clínica Scripps. Em média muitos pacientes no estudo perderam mais de 10 quilos. Os participantes do estudo mantiveram seus hábitos alimentares diários e ligeiramente melhorado a sua rotina de exercícios, a única mudança na dieta foi a ingestão de grapefruit da Flórida e sumo de toranja.


Além disso, a pesquisa indica uma ligação fisiológica entre toranja e insulina, no que se refere ao controlo de peso. Os pesquisadores especulam que as propriedades químicas de grapefruit reduzir os níveis de insulina e estimular a perda de peso. Grapefruit pode possuir propriedades químicas únicas que reduzem os níveis de insulina que promove a perda de peso.


"Nosso estudo mostra grapefruit pode desempenhar um papel vital na saúde e bem estar, e na luta contra epidemia de obesidade da América cada vez maior", declarou o Dr. Fujioka.


CONCLUSÃO

É um alimento que possui vitamina c, justificando seu papel favorável na imunidade, mas, não consegui nenhum estudo científico ou que pelo menos me informe sua composição.



REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

1. GRAPEFRUIT. Disponível em: <http://www1.folha.uol.com.br/folha/comida/ult10005u499874.shtml>. Acesso em: 16 out. 2012.
2. GRAPEFRUIT. Disponível em: < http://www.silvashortifruti.com.br/distribuidora/frutas/grapefruit-in-natura.asp
>. Acesso em: 16 out. 2012.
3. PROPRIEDADES DO GRAPEFRUIT. Disponível em: < http://receitaslightmissslim.blogspot.com.br/2008/01/toranja-grapefruit.html
>. Acesso em: 16 out. 2012.
4. PROPRIEDADES DO GRAPEFRUIT. Disponível em: < http://medicinacaseira-aartenacura.blogspot.com.br/2012/09/oleo-essencial-de-grapefruit-ou-toranja.html>. Acesso em: 16 out. 2012.
5. ESTUDO. Disponível em: <http://www.medicalnewstoday.com/releases/5495.php>. Acesso em: 16 out. 2012.

Amanda Dezze do Amaral
Amanda Dezze do Amaral, 34 anos, Nutricionista. Possuo diversos cursos de atualização, dentre eles: Nutrição Clínica e Avaliação Nutricional, Fitoterapia para Nutricionistas, Nutrição apl. à Medicina Estética, Nutrição Funcional, Nutrição e Envelhecimento, HAS, DM, DRC, Doenças Cardiometabólicas, Aconselhamento Nutricional da Obesidade na Infância e Adolescência.
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER