Ácidos graxos monoinsaturados (MUFA)

Ácidos graxos monoinsaturados (MUFA)
NUTRICAO
Os principais representantes dos MUFA são os ácidos graxos da família ômega-9, sendo o ácido oleico (18:1) o de maior importância nos alimentos. As fontes alimentares de MUFA são: azeite de oliva, óleos de canola e de amendoim, oleaginosas (nozes, amêndoas, castanhas, etc.), frutos como o abacate, açaí, tucumã e buriti.

MUFA e doenças cardiovasculares

A substituição na dieta de alimentos ricos em ácidos graxos saturados por alimentos fonte de ácidos graxos monoinsaturados promove uma maior proteção ao sistema cardiovascular. Isso ocorre devido os MUFA serem capazes de alterar a composição e o catabolismo das lipoproteínas, como (LEITE & ROSA, 2010):

• aumentar o HDL colesterol (diminuindo o efeito redutor do HDL observado nas dietas com baixos teores de gordura total e/ou ricas em ácidos graxos poli-insaturados);
• reduzir a síntese de VLDL, diminuindo os níveis plasmáticos de triglicerídeos;
• reduzir o LDL colesterol;
• tornar a LDL menos susceptíveis à oxidação.

Além dos efeitos diretos na colesterolemia, os MUFA reduzem a agregação plaquetária, aumentam o tempo de fibrinólise e de coagulação, reduzindo o estado pró-trombótico, característico das doenças cardiovasculares. (CARLUCCIO et al., 2007).


Colunista Portal - Educação
O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER