Histórico da Dengue

Histórico da Dengue
MEDICINA
Há apenas 100 anos começou o combate ao mosquito Aedes aegypti, reconhecido pela primeira vez no Egito - daí o seu nome. Chegou ao Brasil ainda nos navios negreiros, originário da África, reproduzindo-se nos depósitos de água dos barcos nas viagens da África para o Brasil.

As primeiras referências à dengue no Brasil remontam ao período colonial. Em 1865 foi descrito o primeiro caso de dengue no Brasil, na cidade de Recife. Sete anos depois, em Salvador, uma epidemia de dengue levou a 2.000 mortes.

Em 1902 ocorreram mais de 900 óbitos por febre amarela no Rio. Em 1908, graças à caçada às larvas dos mosquitos e isolamento com telamento dos doentes, foram registradas apenas 4 mortes. O trabalho, sem mídia televisiva ou rádio, foi realizado por 2.500 guardas sanitários e a população do Rio era de apenas 700 mil habitantes.

Mas o mosquito não foi erradicado do país e o Rio de Janeiro voltou a ter uma epidemia no final da década de 20. Na era Vargas, a luta pela erradicação tornou-se nacional e nos anos cinqüenta o Brasil certificou-se como livre do Aedes aegypti por observadores estrangeiros.

Outros fatores importantes estavam acontecendo nesta época, como a industrialização e urbanização acelerada do país. Paralelamente ao combate doméstico surgiam novos criadouros de mosquitos de extrema eficiência para o mosquito, disseminados pela indústria automobilística: pneus e ferros velhos. Não durou muito a erradicação.

Em 1967, Leônidas Deane detectou o A. aegypti em Belém (provavelmente trazido do Caribe em pneus contrabandeados). Em 1974 já infestava Salvador, chegando ao Estado do Rio no final da década de 70.

A primeira epidemia de dengue no Brasil foi em 1981, em Roraima. Lá foram isolados os vírus DEN1 e DEN4. Em 1986 houve uma epidemia de dengue no Rio de Janeiro e algumas áreas urbanas do Nordeste com disseminação do vírus DEN1 em mais de 50.000 casos. Em 1990, houve a introdução do vírus 2 no Rio de Janeiro, atingindo várias áreas do Sudeste.

Em 1998, houve uma pandemia com mais de 500.000 casos no país. O vírus se espalhou por todo o país, com o Nordeste atingindo o maior número de casos. Em 2000, o vírus 3 foi isolado no Rio de Janeiro, e uma nova epidemia de dengue aconteceu entre 2001 e 2003. Vários Estados do Sul foram atingidos pela primeira vez. A maior parte dos casos ocorreu em pessoas com mais de 15 anos (a doença costuma acometer adultos jovens pela maior exposição, mas também pode ocorrer em crianças).

Colunista Portal - Educação
O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER