Saúde da Mulher: Fissuras Mamárias

Saúde da Mulher: Fissuras Mamárias
ENFERMAGEM

Para obter sucesso na amamentação, o profissional da saúde deve preparar a mulher ainda na gestação. Orientações sobre a pega correta e as posições para amamentar são primordiais para a mulher, principalmente para mamães de "primeira viagem". Caso o bebê não pegue corretamente a mama, podem surgir problemas mamários, como por exemplo, a fissura mamária, a qual é uma das causas do desmame precoce.



O que é fissura mamária? Fissuras mamárias podem ser definidas como a ruptura do tecido epitelial que cobre a papila mamária (mamilo). Essas levam a mulher a sentir dor nos mamilos, e até podem sangrar. Causas da fissura mamária: A principal causa da fissura mamária é a pega incorreta do bebê no momento da amamentação.



Além dessa encontramos: Mau posicionamento da mãe e/ou do bebê; Utilização de produtos irritativos; Dermatites; Uso de bombas manuais ou elétricas; Aréola endurecida (ingurgitada); Congestão mamária; Freio lingual curto do bebê; Tipos de fissuras mamárias: As fissuras podem ser classificadas em: Fissura pequena (menor que 3 mm e provoca pouca dor no início da sucção); Fissura média (não excede 6 mm e a mãe refere demora para o alívio da dor); Fissura grande (maior que 6 mm e a mãe queixa-se de dor intensa à sucção).



Consequências da fissura mamária: As fissuras mamárias servem de portas de entrada para microrganismos patogênicos, estes podem penetrar na fissura do mamilo causando infecções na mama, levando a mulher a sentir dor e desconforto, o que a leva a amamentar menos, devido ao processo doloroso.

 

Às vezes, pode levar a mulher a abandonar o aleitamento, contribuindo assim com o desmame precoce. Ações dos profissionais da saúde: Para aliviar tal situação, os profissionais da saúde devem estar preparados a orientar e a motivar a mãe para a realização da amamentação, observando a posição do bebê no colo e sua sucção e ensinando a maneira correta de amamentar. Orienta-se que a nutriz amamente com privacidade, sentada confortavelmente, com roupas práticas (evitando atrito com o sutiã) e com o corpo do filho voltado para si em linha reta.


Para o esvaziamento dos seios lactíferos, recomenda-se que o bebê introduza em sua boca o mamilo e a maior parte da aréola. Medidas a serem tomadas pela mulher com fissura mamária: Praticar a pega correta e a posição adequada; Expor as mamas à luz solar; Manter as mamas secas; Passar o leite materno ao redor dos mamilos após as mamadas; Evitar o uso de sabonetes, cremes ou pomadas nos mamilos e amamentar com frequência; Ordenhar um pouco de leite para diminuir o ingurgitamento da mama.


Fontes: Brasil, Ministério da Saúde. King, F. Savage. Como ajudar as mães a amamentar.

Karina de O. Guilherme Vieira
Formada em enfermagem, cursando pós-graduação em docência no ensino superior.
Seja um colunista
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER