Marcos do Desenvolvimento Neuropsicomotor de 0 a 12 Meses de Vida

Marcos do Desenvolvimento Neuropsicomotor de 0 a 12 Meses de Vida
FISIOTERAPIA

Durante este período de vida, considerado por alguns autores como o mais plástico do desenvolvimento cerebral, a criança não adquire somente as aquisições motoras, mas também desenvolve a cognição, audição, gustação, percepções simultaneamente.

Este desenvolvimento processa-se:
-Céfalo-caudal

- Proximal-distal

- Sequencial e ordenado

-Sobreposto e repetido

-Sinergia motora global par sinergia motora dissociada

- Inervação recíproca (equilíbrio entre flexão e extensão contra a gravidade)

Todo o processo ocorre nos 3 eixos (coronal, sagital e transversal) para ocorrer os mecanismos posturais normais (reação de retificação, equilíbrio e proteção).

Alguns fatores que influenciam no desenvolvimento neuropsicomotor (DNPM) de maneira positiva ou negativa:
- Genéticos;

- Nutricional;

- Endócrino/hormonal (ex: obesidade);

-Ambiental (ex: rico em estimulação);

-Climáticos (ex: países de tempo frio X países de tempo quente);

- Idade gestacional.

Primeiro mês:
- Influência de todos os reflexos inatos.

- Predomínio do padrão flexor, abdução e rotação externa em membros superiores e membros inferiores, tanto na posição de prono, quanto a de supino.

- Reação labiríntica de proteção.

Segundo mês:
- Os reflexos inatos começam a ser inibidos.

-Presença do reflexo tônico cervical assimétrico (RTCA).

- Início da reação de Landau.

- Presença da reação labiríntica de proteção e da reação ótica de retificação.

Terceiro mês:
- Início do padrão extensor contra a gravidade.

-Reação labiríntica de retificação muito forte.

- Ausência do RTCA, que possibilita um controle óculo-motor e simetria dos membros inferiores.

Desenvolvimento da preensão (DP):
-Influência do reflexo de preensão palmar.

Desenvolvimento da visão (DV):

-Visão embaçada.

- Início da visão binocular.

- Somente enxerga vultos.

- Estrabismo fisiológico.

- Interesse por contrastes entre preto e branco.

Desenvolvimento da audição (DA):
- Reconhece a voz materna.

Desenvolvimento da fala/linguagem (DF):
- Chora por tudo.

Desenvolvimento cognitivo (DC):
-Interage com as pessoas através de sorriso.

Quarto mês:
- O reflexo tônico cervical simétrico (RTCS) é um pré-requisito para aquisição da reação de pára-quedas para frente e para adoção da postura de quatro apoios.

- O reflexo de Moro fica mais fraco, pois está relacionado com o controle de cabeça e tronco.

- Reação de Landau, que se iniciou no segundo mês de vida, encontra-se na cintura escapular.

- Reação labiríntica de retificação está completa.

- Reação ótica de retificação está completa.     

Sétimo mês:

- Presença do reflexo de preensão plantar.

- Rola dissociado.

- Desloca-se através do engatinhar.

- Começa a ajoelhar-se.

- Início da reação de pára-quedas para os lados.

-Adota a postura de sentado ativamente, através da dissociação de cinturas a partir da posição de quatro apoios.

- Senta em long-sitting.

- Controle de cervical bom, não querendo mais ficar na posição de supino.

- Joelhos flexionados em supino.

• Início da marcha lateral.

DP:

• Transfere um objeto de uma mão para outra.

• Realiza o movimento de pronação e supinação.

• Consegue pegar o próprio pé.

 DF:

 - Emissão de vocalização.

 Oitavo mês:

 -Início da reação de pára-quedas para trás.

 - Presença do reflexo de preensão plantar.

 - Adota a posição ajoelhada ativamente, a partir dos quatro apoios.

 - Início da postura de cócoras.

 - Fica em pé, com alguém segurando, com ligeira oscilação.

 DP:

 - Agarra os objetos nas posições dorsal e ventral, bem como em uma posição sentada estável.

 - Brinca com as mãos e com os pés.

 DF:

 -Fala sílabas duplas (“ma-ma”, “pa-pa”).

DV:

 -Boa coordenação muscular ocular.

 -Acompanha os objetos em todos os planos.

 Nono mês:

 - Fica em pé com apoio.

 -Adota a postura de urso (membros superiores e inferiores apoiados no solo, alongando toda cadeia posterior).

 - Início da marcha lateral (apoiado nos móveis)

 - Quase nunca assume a posição de prono ou supino.

 -Engatinha muito rápido.

 DP:

 - Faz o movimento de pinça inferior ou rádio palmar (polegar e falange proximal).

 DV:

 - Começa a explorar a visão em profundidade (arremessa os objetos para longe).

- Nesta fase a criança tem que apresentar muito mais reações (movimentos voluntários) do que reflexos (movimentos involuntários)

 - Inicia o rolar em bloco.

 -Apresenta a reação de pára-quedas para baixo.

 - Senta com apoio.

 Quinto mês:

 - Consegue realizar o movimento de “ponte”.

-Refinamento da preensão plantar.

 -Ausência total de todos os reflexos primitivos (com exceção do reflexo plantar que se integra aos 12 meses).

 - Rola em bloco mais vezes e mais rápido.

 -Início da reação de pára-quedas para frente.

 -Início da reação de anfíbio.

 -Pivoteia na posição de prono.

 Sexto mês:

 - Reação de Landau completa.

 - Início do rolar dissociado (reação corporal agindo sobre o corpo).

 - Presença da reação de pára-quedas para frente.

 -Consegue manter a posição sentada sem apoio, quando colocado.

 - Fica de quatro apoios, mas não engatinha.

 DP:

 - Perda da preensão reflexa e presença da preensão cúbito-palmar.

 -Deslocamento ativo dos membros superiores.

 DV:

 - Estrabismo (adequado até os 10 meses de vida).

 -Visão binocular.

 - Maior inervação recíproca.

 -Olhos na linha média.

 - Enxerga as cores primárias.

 DF e DA:

 -Começa a reconhecer os sons.

 - Emite mais sons (balbucio).

 -Início da dentição.

 DC:

 - Sorri para o espelho, mas não se reconhece.

 - Brinca de esconde-esconde, dando início a noção de permanência do objeto.

- Nesta fase a criança tem que apresentar muito mais reações (movimentos voluntários) do que reflexos (movimentos involuntários)

 - Inicia o rolar em bloco.

 -Apresenta a reação de pára-quedas para baixo.

 -Senta com apoio.

 Quinto mês:

 - Consegue realizar o movimento de “ponte”.

-Refinamento da preensão plantar.

 -Ausência total de todos os reflexos primitivos (com exceção do reflexo plantar que se integra aos 12 meses).

 - Rola em bloco mais vezes e mais rápido.

 -Início da reação de pára-quedas para frente.

 -Início da reação de anfíbio.

 -Pivoteia na posição de prono.

 Sexto mês:

 - Reação de Landau completa.

 - Início do rolar dissociado (reação corporal agindo sobre o corpo).

 - Presença da reação de pára-quedas para frente.

 -Consegue manter a posição sentada sem apoio, quando colocado.

 - Fica de quatro apoios, mas não engatinha.

 DP:

 - Perda da preensão reflexa e presença da preensão cúbito-palmar.

 -Deslocamento ativo dos membros superiores.

 DV:

 - Estrabismo (adequado até os 10 meses de vida).

 -Visão binocular.

 - Maior inervação recíproca.

 -Olhos na linha média.

 - Enxerga as cores primárias.

 DF e DA:

 -Começa a reconhecer os sons.

 - Emite mais sons (balbucio).

 -Início da dentição.

 DC:

 - Sorri para o espelho, mas não se reconhece.

 - Brinca de esconde-esconde, dando início a noção de permanência do objeto.

DA e DF:

 - Consegue distinguir as palavras.

 - Emissão de sons onomatopéicos (gato, cão, avião).

 DC:

 - Medo de estranhos, pois percebe que ela e sua mãe não são a mesma pessoa.

 -Reconhece-se no espelho.

 -Faz atos motores sociais (beijo, tchau).

 Décimo mês:

 - Consegue levantar a partir da posição sentado sem auxílio.

 - Pode ficar em pé sozinha.

 - Aprimora a marcha lateral.

 - Ausência das reações de equilíbrio na posição em pé

 DP:

 - Agarra os objetos em todas as posições nas quais tem equilíbrio e os atinge mesmo os que estejam fora do seu alcance.

 -As mãos estão abertas com os dedos livres para atividades mais finas.

 DA e DF:

 -Presta atenção quando ouve ruídos.

 - Ouve os próprios ruídos e imita-os.

 -Responde a sons desagradáveis com desconforto.

 DC:

 -A criança pega na colher para comer sozinha, mas ainda tem de receber comida na boca.

 - Bebe na xícara e come biscoitos sozinha.

 - Responde a “sim” e “não”

Décimo primeiro mês:

 -Há um aprimoramento das aquisições aprendidas durante o mês anterior.

 Décimo segundo mês:

 - Marcha independente.

 - Mantém a postura de prono e supino, somente durante o sono.

 - Reflexo de preensão plantar inibido.

 - Sobe escadas em quatro apoios, se não há escada em casa, sobe e desce dos móveis.

 - Andam com a base alargada.

 DP:

 -Preensão em pinça.

 DA e DF:

 - Reage ao seu nome.

 -Algavaria, associação do balbucio com as palavras.

 - De 1 a 3 palavras com sentidos (“papa”=comer).

 - Modula a voz em alto e baixo.

 - Presta atenção nos ruídos e vira-se para ver de onde vêm.

 DC:

 - Entende a linguagem corporal dos pais.

 - Acha objetos parcialmente escondidos.

 -Início do senso de direção.

 -Conhece algumas partes do corpo.

Colunista Portal - Educação
O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER