Irrigação vesical

Irrigação vesical
ENFERMAGEM
Irrigação vesical é a lavagem da mucosa que reveste a bexiga, com o objetivo de remover sedimentos, coágulos, urina em decomposição ou fins terapêuticos.

Material:

• Bandeja;
• Frasco graduado;
• Folha de papel;
• 1 par de luvas estéreis;
• Recipiente para lixo;
• Bolas de algodão embebidas em álcool 70%;
• Seringa de 20 ml;
• Soro fisiológico de 250 ml ou conforme prescrição;
• Pacote de irrigação (cuba rim e cúpula).

Procedimentos:

01. Fazer planejamento;
02. Lavar as mãos;
03. Reunir o material na bandeja, levar à unidade do paciente, colocá-lo sobre a mesa de cabeceira;
04. Colocar o frasco graduado e a comadre sobre o papel, na cadeira;
05. Expor a conexão da sonda com o prolongamento;
06. Colocar o pacote de irrigação sobre a cama, próximo a conexão;
07. Proceder a desinfecção da extremidade distal da sonda vesical até a conexão com a primeira bola do algodão com álcool 70% e a proximal do prolongamento, usando a outra bola de algodão com álcool 70%;
08. Abrir o pacote de irrigação com uma mão, colocando a sonda vesical e parte do prolongamento sobre a extremidade do campo estéril;
09. Colocar a solução fisiológica na cúpula;
10. Abrir o pacote da seringa, colocando-a no campo;
11. Calçar as luvas;
12. Retirar a cúpula de dentro da cuba rim;
13. Montar a seringa;
14. Desconectar a sonda, colocando sua extremidade distal dentro da cuba rim e a extremidade do prolongamento sobre o campo estéril, atrás da cuba rim;
15. Aspirar com a seringa a solução fisiológica e proceder a lavagem da sonda, injetando o soro e aspirando em seguida;
16. Repetir a operação quantas vezes forem necessárias;
17. Conectar cuidadosamente a sonda ao prolongamento;
18. Transferir o líquido da cuba rim para a comadre;
19. Retirar as luvas;
20. Reunir o material e levá-lo coberto ao expurgo;
21. Proceder as anotações de enfermagem.


Retirada de sonda vesical
Materiais:

• Um saco de lixo;
• Um par de luvas de procedimento;
• Uma seringa descartável de 20 ml;
• Bolas de algodão embebidas em solução anti-séptica (álcool a 70%);
• Biombo.

Procedimentos:

1. Explicar o procedimento e sua finalidade ao paciente e/ou ao acompanhante;
2. Reunir o material;
3. Colocar biombos em volta do leito;
4. Lavar as mãos e calçar as luvas de procedimento;
5. Verificar a bolsa coletora (quantidade, coloração e demais características da urina);
6. Retirar o esparadrapo ou micropore de fixação da coxa;
7. Limpar a via do Cuff com algodão embebido em solução anti-séptica;
8. Adaptar uma seringa estéril na via do Cuff para aspirar a água destilada (o mesmo volume que foi introduzido );
9. Remover a sonda delicadamente, pressionando-a entre o polegar e o dedo indicador para evitar que a urina permaneça na uretra;
10. Recolher o material do cateterismo e desprezar no lixo apropriado;
11. Providenciar a higiene íntima;
12. Deixar o paciente confortável;
13. Deixar a unidade em ordem;
14. Lavar as mãos;
15. Registrar o procedimento.

Colunista Portal - Educação
O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.
Seja um colunista

ASSINE NOSSA NEWSLETTER