Células endocervicais

Células endocervicais
MEDICINA
As células endocervicais cilíndricas são alongadas ou arredondadas segundo o ângulo sob a qual são observadas. Os aglomerados vistos pelo pólo apical oferecem um aspecto que se compara aos alvéolos da cera de abelha. Vistas por suas faces laterais as células mostram um disposição empaliçada. Com altura de 20 à 30um, elas apresentam diâmetro de 8 à 10um.

A aparência da célula depende também da fase do ciclo menstrual. Durante a fase estrogênica, o citoplasma é cianófilo e o núcleo toma uma forma elíptica ou esférica com diâmetro de cerca de 7um.

Durante a fase secretora, o citoplasma é claro e edemaciado; um muco abundante desloca o núcleo para a base da célula. As células cilíndricas descamam isoladamente ou em aglomerados.

Os aglomerados podem estar envoltos por poças de muco. Quando o citoplasma sofre lise, percebem-se núcleos nus arredondados, finamente granulosos e de tamanho irregular; não devem ser confundidos com células do córion cervical, com núcleos nus de células metaplásicas ou com núcleos procedentes de um adenocarcinoma diferenciado da endocérvice ou do endométrio.

As células endocervicais são raras nos esfregaços vaginais e habituais nos esfregaços cervicais obtidos por escovação ou raspagem. Sua presença é considerada, por alguns, como selo obrigatório de qualidade da colheita cervical.

Colunista Portal - Educação
O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.
Seja um colunista

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

ARTIGOS RELACIONADOS