Hipogonadismo - Portadores do HIV

Hipogonadismo - Portadores do HIV
EDUCACAO-FISICA
O hipogonadismo é a baixa concentração dos hormônios andrógenos na corrente sanguínea. Esse quadro leva à diminuição da libido, disfunção sexual, fadiga e alterações na composição corporal com diminuição da massa muscular. Chega a afetar 50% dos homens infectados pelo HIV. Esse quadro pode se desenvolver pela progressão da infecção, que debilita a saúde de forma geral do soropositivo. Para Valente et al. (2005) a instalação do hipogonadismo se dá pelos efeitos adversos dos inibidores nucleosídicos da transcriptase reversa, juntamente com acidose lática, neuropatia periférica, miopatia, esteatose hepática, diabetes mellitus, anemia e lipoatrofia.

Rodrigues e Ávila (2008) destacam a relevância da complicação para a atividade física, já que a diminuição dos níveis de testosterona afeta as adaptações ao exercício, inclusive o anabolismo necessário para a recuperação da massa magra consumida pela síndrome lipodistrófica. Pacientes com deficiência hormonal diagnosticada tem acesso ao tratamento de reposição de derivados da testosterona, recuperando a libido, o equilíbrio emocional, tendo acesso ao quadro anabólico para aumento de massa muscular e melhora da potência física. O médico deve monitorar as funções hepáticas, devido ao perigo de hepatite medicamentosa.

Colunista Portal - Educação
O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER