O Caos da Saúde Pública Brasileira

O Caos da Saúde Pública Brasileira
COTIDIANO

 

URGENTE! URGENTE! URGENTE!

Que o caos em que se transformou a saúde pública brasileira não tem mais jeito, todo mundo sabe!

A ONU (Organização das Nações Unidas) fez uma pesquisa entre os dias 11 e dia 15 desta semana em 126 países e constatou que o índice de insatisfação e aprovação popular da saúde pública de nosso país é muito grande.

Para se ter uma ideia, eis alguns casos estarrecedores que ocorreram nesta mesma semana em São Paulo e no Rio de Janeiro:
São Paulo: Família leva criança de seis meses de idade com suspeita de pneumonia ao médico do SUS e ele receita Wodka Scarloff para ela;
Médicos do SUS são flagrados batendo ponto para colegas com dedos de silicone. A filha do diretor da unidade, nunca apareceu para trabalhar. Todos foram afastados das funções, mas continuam recebendo seus salários como se nada tivesse acontecido (ah, Brasil!).

Rio de Janeiro: Uma adolescente de 16 anos morreu vítima de 05(cinco) paradas cardíacas, após percorrer três unidades de saúde, receber atendimentos artificiais e ser mandada de volta para sua casa como se nada estivesse acontecendo. Enquanto isso, atividades totalmente supérfluas e fontes de enriquecimento ilícito para algumas ratazanas, como por exemplo, os preparativos para as realizações da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de 2016, estão a todo vapor consumindo bilhões de reais que poderiam ter sido destinados para ajudar a reanimar e moralizar a F3 (falecida, fantasmagórica e falida) saúde pública nacional.

Não obstante, os cofres do Tesouro Nacional são esvaziados constantemente para cobrir gastos e despesas com centenas de motivos inúteis, ajudando a deixar a população em mais polvorosa e a ver navios fantasmas arrastarem as suas saúdes pelas quais pagam tão caro ao Governo Federal.

Até quando as pessoas vão falecer por falta de atendimento, após passarem horas nas filas de espera do INSS para marcações de consultas sem que os médicos apareçam?

Até quando o Governo Federal vai utilizar as verbas arrecadadas todos os meses de todos os anos com a cobrança de INSS em nossas folhas de pagamentos, em outras finalidades exclusas à saúde pública?

A ONU não descobriu nada de mais em sua recente pesquisa. Todos nós já sabíamos dessa calamitosa e menosprezada situação que se transformou aos poucos no maior caos de saúde pública do mundo, por falta de cuidado e investimentos de nossos próprios governos.

Estamos vivenciando no presente as consequências de todos os atos ilícitos e corruptos de nossas administrações, que culminaram com o esvaziamento dos cofres da Previdência Social e, consequentemente, com a sua irredutível falência. Quando comentei em alguns artigos anteriores que só nós mesmos, cidadãos íntegros, idôneos e de bem, poderíamos mudar certas situações, eu estava completamente correto. Para tanto, precisamos acordar urgentemente deste grande sono de passividade que toma conta de nossas vidas e de nossas atitudes e partirmos para o ataque em busca de todos os nossos diretos que estão sendo negados e suprimidos diariamente pelas autoridades que deveriam nos tratar a pão de ló!

 

Frankc José de Andrade Medeiros
Idade: 48 anos Profissão: líder de produção atualmente desempregado e corretor de imóveis. Qualidades: pontualidade, assiduidade, comprometimento com a qualidade e com o serviço. Defeito: ser sincero demais Hobby: Escrever poesias com temas diversos Sonho: Terminar a faculdade editar o meu acervo de poesias e um livro intitulado Menores Abandonados Escolaridade: 2º ano de Administração de empres
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER