O crescimento da semana do consumidor no varejo online

O crescimento da semana do consumidor no varejo online
ADMINISTRACAO

Muitos economistas especularam um aumento nas vendas online durante a Semana do Consumidor este ano, em virtude da pandemia de Covid-19, mas o que ninguém imaginou é que as vendas dobrariam.

 

Pois neste artigo você vai ver:

  • - O resultado da Semana do Consumidor em 2021;
  • - os 5 produtos mais vendidos;
  • - os 5 produtos que mais faturaram.

 

Então, não perca mais tempo e saiba tudo sobre o crescimento da Semana do Consumidor no varejo online.

 

Uma ótima leitura!

 

Semana do Consumidor supera todas as expectativas

 

Como falamos no início deste artigo, em 2021 as pessoas compraram o dobro do que o registrado em 2020 nesta mesma data. Conforme o UOL, que analisa dados do varejo brasileiro, esse aumento se deu na semana do dia 15 ao dia 21 de março.

 

Segundo dados do UOL Economia, uma das grandes alterações que ocorreram este ano foi que em vez de apenas um dia de promoção, várias empresas fizeram sete dias, o que impactou de forma extremamente positiva a economia durante esse período.

 

Ao todo, foram mais de 7,1 milhões de compras online, 88% a mais que em 2020. Já em relação ao faturamento, o aumento é ainda mais expressivo, pois ele foi de R$3,2 bilhões, 103% a mais que no ano anterior. Outro dado que chama a atenção é o valor médio gasto em cada compra, que foi de R$454. Em 2020 ele havia sido R$436.

 

Importante ressaltar que, conforme dados Ebit|Nielsen, empresa referência em análises do comércio eletrônico no Brasil, esse número já havia aumentado 18% de 2019 para 2020. Ou seja, de 2019 para 2021 o aumento foi de cerca de 140% nas vendas online neste período.

 

Para quem achava que a pandemia afetaria negativamente a economia fica aí um demonstrativo que mesmo as pessoas ficando seguras em suas casas, ainda é possível aumentar as vendas, basta se adaptar aos novos tempos.

 

Agora que você conheceu um pouco mais sobre os números da Semana do Consumidor de 2021 em relação a 2020 e 2019, é importante também saber quais foram os produtos mais vendidos e quais os produtos que mais faturaram este ano.

 

5 produtos mais vendidos na Semana do Consumidor

 

Segundo o UOL Economia pelo Movimento Compre & Confie, os 5 produtos mais comprados na Semana do Consumidor de 2021 foram:

 

  • - Celulares e smartphones
  • - Livros
  • - Remédios
  • - Eletrônicos (TVs)
  • - Vestuário fitness

 

Alguns desses itens até eram esperados. Celulares e smartphones sempre lideram os rankings de vendas, tanto no varejo online, quanto offline. Assim como eletrônicos, principalmente, televisores.

 

Contudo, livros estarem em segundo nesse ranking é surpreendente, uma vez que não estamos falando de e-books, mas sim de livros físicos. Ou seja, o mercado literário sofreu um aquecimento incrível este ano em virtude do cenário pandêmico.

 

Outra coisa que chama a atenção é o quinto colocado, que são as roupas fitness, ou seja, roupas para fazer exercícios. Isso demonstra que as pessoas estão cuidando mais da saúde física, mesmo estando em casa.

 

Os produtos que mais faturaram

 

Os produtos que mais faturaram, conforme o UOL Economia pelo Movimento Compre & Confie foram:

  • - Celulares e smartphones
  • - Notebooks
  • - Eletrônicos (TVs)
  • - Geladeiras / Refrigeradores
  • - Máquinas de lavar

 

Novamente, celulares e smartphones aparecem na ponta da lança, sendo não apenas os produtos mais vendidos, mas também os produtos que trouxeram a maior arrecadação para os cofres dos comerciantes.

 

Aqui, o cenário inverte um pouco, pois, com exceção dos celulares, smartphones e eletrônicos, os demais produtos da primeira lista não são tão caros. Então, mesmo, por exemplo, remédios tendo sido muito vendidos, acabaram não entrando nesta segunda lista.

 

Como era de se esperar os produtos que emplacaram no top 5 foram todos eletroeletrônicos de valor mais elevado, uma vez que o preço médio de um refrigerador e de uma máquina de lavar, atualmente, é de cerca de R$ 3 mil, podendo chegar a bem mais.

 

Vale destacar que, como as pessoas precisam trabalhar em escala de home office, muitas vezes, esse pode ter sido um dos fatores que aumentou a venda de notebooks. Assim como as pessoas estarem mais em suas casas pode sim levar elas a buscarem mais fontes de entretenimento, como televisores e, no caso da primeira lista, livros.


Outra opção que é sempre válida, não só durante a Semana do Consumidor, é a compra de cursos 100% online, os quais você pode fazer quando e onde desejar. Então veja o portfólio do Portal Educação e faça já a sua matrícula.

Colunista Portal - Educação
O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER