artigo

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012 - 09:14

Tamanho do texto: A A

Gestão escolar participativa

por: Emileide Lucineia da Costa

Gestão escolar participativa
Gestão escolar participativa
Segundo Lück (2000, p. 11), a gestão escolar se constitui uma dimensão e um enfoque de atuação que objetiva promover a organização, a mobilização e a articulação de todas as condições materiais e humanas necessárias para garantir o avanço dos processos socioeducacionais dos estabelecimentos de ensino orientadas para a promoção efetiva da aprendizagem pelos alunos, de modo a torná-los capazes de enfrentar adequadamente os desafios da sociedade globalizada e da economia centrada no conhecimento.

Em algumas instituições de ensino, grande maioria, a gestão escolar é participativa.

Para Marques (1981), a participação de todos nos diferentes níveis de decisão e nas sucessivas fases de atividades é essencial para assegurar o eficiente desempenho da organização.

A flexibilidade de pessoas e da própria organização permite uma abordagem aberta, facilitando a aceitação da realidade e permitindo constantes reformulações que levam ao crescimento pessoal e grupal. A dignidade do grupo, e de cada um, se faz pelo respeito mútuo.

Mas, afinal, o que é a gestão escolar participativa?

A gestão participativa caracteriza-se por uma força de atuação consciente, pela qual os membros da escola reconhecem e assumem seu poder de influenciar na determinação da dinâmica dessa unidade escola, de sua cultura e de seus resultados.

CreativeCommons

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Portal Educação.

Comentários


colunista

Emileide Lucineia da Costa

Possui graduação em Pedagogia pela Anhanguera - UNAES (2006), Especialização em Educação a distância pelo SENAC/MS(2010) e está cursando pós graduação em Psicopedagogia pelo Portal Educação/UCDB. Atualmente é Tutora em EaD de cursos livres e pós-graduação.

Educação e Pedagogia