artigo

segunda-feira, 20 de agosto de 2012 - 19:23

Tamanho do texto: A A

Tuberculose

por: Colunista Portal - Educação

Tuberculose
Tuberculose
É uma doença infecciosa crônica causada principalmente pelo Mycobacterium tuberculosis, um parasita intracelular. A infecção, geralmente, é transmitida pela inalação de aerossóis de secreções respiratórias, contendo o bacilo da tuberculose. Os perdigotos da tuberculose podem ser dispersos por aerossóis produzidos pela turbina, sprays de água e aparelhos de ultrassom durante o atendimento odontológico.


O pulmão é o local habitual da lesão primária e o principal órgão envolvido. As formas extrapulmonares são mais raras, podendo afetar qualquer órgão ou tecido, surgindo com maior frequência em crianças e pessoas com infecção pelo HIV.


Observa-se comprometimento do estado geral, febre vespertina baixa, sudorese noturna, inapetência, emagrecimento, tosse acompanhada ou não de escarros hemoptoicos.


O tratamento apropriado da tuberculose é estabelecido segundo a situação do caso (caso novo, recidiva, tuberculose meningoencefálica, casos de falência de tratamentos anteriores). Estresse emocional, desnutrição, vício em drogas, alcoolismo e imunossupressão aumentam o risco de recorrência da doença.


A avaliação do paciente, primeiro passo na assistência odontológica, possibilita ao dentista identificar o paciente com a doença ativa, reconhecer possíveis queixas e sintomas indicativos de tuberculose ou ainda constatar a possibilidade de exposição à doença.


Em caso de doença ativa, o paciente deve receber somente cuidados para urgências odontológicas, respeitando-se, com rigor, as normas de biossegurança e o uso dos equipamentos de proteção individual. Se o paciente finalizou a quimioterapia, o médico assistente deve ser consultado a respeito da infectividade, resultados de baciloscopia e exame radiológico. Em caso de alta por cura, o paciente pode ser tratado normalmente.


As manifestações bucais da tuberculose, aparentemente, têm nas superfícies das mucosas traumatizadas o local de predisposição para o desenvolvimento da lesão. Em geral, considera-se que representa uma infecção por micro-organismos presentes no escarro, provenientes das lesões pulmonares, sendo a base da língua o local mais comum. As úlceras podem ser do tipo verrucoso, ulcerativo e nodular. Doenças debilitantes como a tuberculose, podem predispor à doença periodontal por diminuírem a resistência tissular a irritantes locais e criar uma tendência para a reabsorção do osso alveolar.
CreativeCommons

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Portal Educação.

Comentários


colunista

Colunista Portal - Educação

O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.

Odontologia