artigo

sexta-feira, 18 de junho de 2010 - 12:09

Tamanho do texto: A A

Avaliação do Estado Nutricional

por: Colunista Portal - Educação

O estado nutricional de um indivíduo é o equilíbrio entre a ingestão e a necessidade de nutrientes influenciados por diversos fatores, conforme mostra a imagem abaixo.
 
                                                                                                                
Fonte: MAHAN, K.; ESCOTT-STUMP, S, 2002. 
O consumo adequado e suficiente de nutrientes promove o crescimento e desenvolvimento, atendendo as necessidades diárias do organismo e prevenindo possíveis agravos à saúde. Dessa forma, a avaliação do estado nutricional visa a identificar os pacientes em risco nutricional, promover suporte nutricional adequado e monitorar sua evolução.
Em pacientes hospitalizados observa-se cerca de 19% a 80% de desnutrição protéico-calórica. Indivíduos que apresentaram desnutrição após a admissão hospitalar e/ou pacientes inicialmente desnutridos podem apresentar piora do seu estado nutricional durante o período de hospitalização. Dessa forma, torna-se necessário estabelecer o diagnóstico nutricional de indivíduos em decorrência da associação da desnutrição e complicações à saúde.
O método para a avaliação do estado nutricional é realizado por meio da avaliação nutricional, que utiliza técnicas apropriadas de antropometria, anamnese alimentar, história clínica, parâmetros bioquímicos e dados psicossociais.
A avaliação nutricional é uma importante ferramenta para determinar a presença de fatores, condições ou diagnósticos que possam afetar o estado nutricional do indivíduo.
Dessa forma, são fatores determinantes do Estado Nutricional:
 
» Fatores econômicos (renda, acesso);
» Fatores sociais (hábitos, modismos, estéticos, mídia, colegas, etc.);
» Fatores culturais (descendência, costumes);
» Fatores religiosos (mitos, tabus, crenças);
» Fatores psicológicos (necessidade, prazer, desconforto, insegurança);
»Fatores fisiopatológicos.
A avaliação do estado nutricional tem como objetivo identificar os distúrbios nutricionais possibilitando realizar uma intervenção de forma a auxiliar na recuperação e/ou manutenção do estado de saúde do indivíduo por meio da coleta de dados clínicos, dietéticos, bioquímicos e da composição corpórea, com a finalidade de identificar e tratar as alterações do estado nutricional.
 
 Autora: Ana Paula Leão Rossi, Nutricionista, Tutora EaD Portal Educação.
Referências Bibliográficas
MAHAN, K.; ESCOTT-STUMP, S. Krause alimentos, nutrição e dietoterapia. 10. ed. São Paulo: Roca, 2002.
CUPPARI, L. Guia de nutrição: nutrição clínica no adulto. 2. ed. São Paulo: Manole, 2005.
silva, s.m.c.s.; mura, j.d.p. Tratado de alimentação, nutrição e dietoterapia. São Paulo: Roca, 2007.
CreativeCommons

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Portal Educação.

Comentários


colunista

Colunista Portal - Educação

O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.

Nutrição