artigo

segunda-feira, 2 de abril de 2012 - 11:53

Tamanho do texto: A A

Exames Bioquímicos

por: Colunista Portal - Educação

Existem vários outros exames bioquímicos que podem ser utilizados
Existem vários outros exames bioquímicos que podem ser utilizados
Os exames bioquímicos são medidas objetivas do estado nutricional e são usados para detectar deficiências subclínicas e para confirmação diagnóstica. Têm a vantagem de possibilitar seguimento de intervenções nutricionais ao longo do tempo (ACUÑA; CRUZ, 2004). Algumas desvantagens limitam o uso desses indicadores na avaliação do estado nutricional como: utilização de alguns medicamentos, condições ambientais, estado fisiológico, presença de estresse, injúria ou inflamação.

Sua interpretação deve ser feita com cautela, particularmente em doenças hepáticas, renal e câncer. Ressalta-se que dosagens sanguíneas de componentes nutricionais específicos (vitaminas, cálcio, ferro, etc) apresentam indicação específica e não são considerados métodos convencionais. Descreveremos alguns dos exames bioquímicos mais utilizados na prática clínica (ACUÑA; CRUZ, 2004, OLIVEIRA, 2007, COSTA, 2008).

a) Albumina Sérica:
proteína plasmática de importância significativa, pois mantém a pressão oncótica do plasma, transporta elementos pelo sangue (cálcio, ácidos graxos de cadeia longa, medicamentos, hormônios, etc). A redução dos níveis séricos de albumina é comum em pessoas com desnutrição calórico-proteica e está associada a prognóstico ruim. É um marcador tardio de desnutrição, pois sua meia-vida é longa (17 a 19 dias). Apesar das limitações, continua sendo um bom método para determinar risco de morbimortalidade.

O uso dos parâmetros bioquímicos para avaliar o estado nutricional de um indivíduo, de forma isolada, não é recomendado, pois também se correlacionam com a(s) doença(s) e podem gerar confusão no momento do diagnóstico nutricional. Portanto, devem ser usados em conjunto com os parâmetros antropométricos e de consumo alimentar para auxiliarem no diagnóstico e monitoramento nutricional. Os valores de referência para albumina sérica estão no quadro abaixo.

 

NORMAL

DEPLEÇÃO LEVE

DEPLEÇÃO MODERADA

DEPLEÇÃO GRAVE

ALBUMINA (g/dL)

4 a 6

2,8 a 3,5

2,1 a 2,7

< 2,1


FONTE: Oliveira, 2007.


CreativeCommons

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Portal Educação.

Comentários


colunista

Colunista Portal - Educação

O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.

Nutrição

ASSINE E RECEBA GRÁTIS

e-Book
livro digital

Grátis um e-book mensalmente. Assine já e receba o e-book: INGLÊS PARA
NEGÓCIOS

Top10
Artigos

Receba e leia os principais artigos sobre diversos
temas. São mais de 30 áreas!

Palestras online

Assista palestras ao vivo toda quinta-feira e veja as dezenas de palestras gravadas em várias áreas

Lições de inglês

Atividades totalmente interativas para você exercitar o seu
inglês!

e-Revista
revista digital

Todo trimestre, uma nova edição sobre os principais temas de cada área. Boa leitura!