CURSOS ONLINE GRÁTIS NA COMPRA DE UM DOS 1400 CURSOS ONLINE

Mesencéfalo

Artigo por Colunista Portal - Educação - terça-feira, 4 de setembro de 2012

Tamanho do texto: A A

Situa-se entre a ponte e o cérebro
Situa-se entre a ponte e o cérebro

Situa-se entre a ponte e o cérebro, do qual é separado por um plano que liga os corpos mamilares, pertencentes ao diencéfalo, à comissura posterior. É atravessado pelo aqueduto cerebral. A parte do mesencéfalo situada dorsalmente ao aqueduto é o tecto do mesencéfalo; ventralmente tem-se os dois pedúnculos cerebrais, que, por sua vez, dividem-se em uma parte dorsal, predominantemente celular, o tegmento, e outra ventral, formada de fibras longitudinais, a base do pedúnculo.


O tegmento é separado da base pela substância negra, formada por neurônios que contém melanina. Correspondendo à substância negra na superfície do mesencéfalo existem dois sulcos longitudinais: sulco lateral do mesencéfalo e sulco medial do pedúnculo cerebral. Eles marcam na superfície o limite entre base e tegmento. Do sulco medial emerge o nervo oculomotor.


O tecto do mesencéfalo apresenta quatro eminências arredondadas, os colículos superiores e inferiores (corpos quadrigêmeos), separados por dois sulcos perpendiculares em forma de cruz. Na parte anterior do ramo longitudinal da cruz aloja-se o corpo pineal, que pertence ao diencéfalo. Caudalmente a cada colículo inferior emerge o nervo troclear, único dos pares cranianos que emerge dorsalmente, que contorna o mesencéfalo para surgir ventralmente entre a ponte e o mesencéfalo.

 

Cada colículo se liga a uma pequena eminência oval do diencéfalo, o corpo geniculado, através de um feixe superficial de fibras nervosas que constitui seu braço. Assim, o colículo inferior se liga ao corpo geniculado medial pelo braço do colículo inferior, e o colículo superior liga-se ao corpo geniculado lateral pelo braço do colículo superior, o qual tem parte de seu trajeto escondido entre o pulvinar do tálamo e o corpo geniculado medial.


Os pedúnculos cerebrais aparecem, ventralmente, como dois grandes feixes de fibras que surgem na borda superior da ponte e divergem cranialmente para penetrar profundamente no cérebro. Delimitam-se, assim, a fossa interpeduncular, cujo fundo apresenta pequenos orifícios para a passagem de vasos, e é denominada substância perfurada posterior.


Considerações sobre a estrutura do tronco encefálico: existem vária diferenças entre a estrutura da medula e a do tronco encefálico, embora ambos pertençam ao sistema nervoso segmentar. Uma delas é a fragmentação longitudinal e transversal da substância cinzenta no tronco encefálico, formando-se assim os núcleos dos nervos cranianos. Estes núcleos correspondem a determinadas áreas de substância cinzenta da medula e constituem a chamada substância cinzenta homóloga à da medula. Por outro lado existem muitos núcleos no tronco encefálico que não têm substância cinzenta na medula e que constituem a substância cinzenta própria do tronco encefálico.

 

A fragmentação das colunas cinzentas ao nível do tronco encefálico se deve, em parte, ao aparecimento de um grande número de fibras de direção transversal, pouco freqüentes na medula. Outra diferença entre a estrutura da medula e do tronco encefálico é a presença, ao nível deste, de uma rede de fibras e corpos de neurônios, a formação reticular, que preenche o espaço situado entre os núcleos e os tratos mais compactos. Ela tem uma estrutura intermediária entra a substância branca e cinzenta.

Estrutura do mesencéfalo
É constituído por uma porção dorsal, o tecto do mesencéfalo, e outra ventral, maior, os pedúnculos cerebrais, separados pelo aqueduto cerebral, que percorre longitudinalmente o mesencéfalo e é circundado por uma espessa camada de substância cinzenta, a substância cinzenta central ou periaquedutal. Em cada pedúnculo cerebral distinguem-se uma parte ventral, a base do pedúnculo, formada por fibras longitudinais e uma parte dorsal, o tegmento do mesencéfalo, cuja estrutura se assemelha à parte correspondente da ponte. Separando o tegmento da base tem-se a substância negra.

CreativeCommons

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Portal Educação.

Comentários


colunista

Colunista Portal - Educação

O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.