CURSOS ONLINE GRÁTIS NA COMPRA DE UM DOS 1400 CURSOS ONLINE

Mecanismo de perda de calor de um recém-nascido

Artigo por Colunista Portal - Educação - segunda-feira, 23 de abril de 2012

Tamanho do texto: A A

Condução, quando a pele entra em contato com objeto frio
Condução, quando a pele entra em contato com objeto frio
A criança pode sofrer uma série de consequência em relação a perda de calor. Conheça quais são os tipos de perda de calor e suas características.

Mecanismo de perda de calor:
a perda de calor, que começa no parto, pode ocorrer através de quatro mecanismos – evaporação, condução, radiação e convecção.

Evaporação: a perda de calor por evaporação ocorre quando fluidos (água insensível, perspiração visíveis e fluidos pulmonares) se tornam vapor no ar seco. Quando mais seco o ambiente, maior a perda de calor por evaporação a perda acentuada de calor por evaporação que ocorre como parto pode ser minimizada secando-se imediatamente o recém-nascido e removendo-se os campos molhados.

Condução: esta forma de perda de calor ocorre quando a pele entra em contato direto com um objeto mais frio, por exemplo, uma bancada ou balança fria, portanto qualquer superfície metálica sobre a qual o recém-nascido será colocado deve ser forrada.

Radiação: uma superfície sólida mais fria sem contato direto com o neonato pode causar perda de calor através de radiação. Fontes comuns de perda de calor radiante incluem as paredes e janelas da incubadora, ocorrendo mesmo a temperaturas quentes, a perda de calor radiante pode ser minimizada através do uso de uma cobertura de calor termoplástica.

Convecção: a perda de calor da superfície corporal para o ar circunjacente mais frio ocorre através de convecção, ela é maior em ambientes resfriados assim a sala de parto resfriada para o conforto da equipe de saúde pode causar perda significativa de calor convectivo no recém-nascido.

Defesas contra-hipotermia:
em um ambiente frio ou em outras circunstâncias estressantes o recém-nascido se defende contra a perda de calor através de controle vasomotor, do isolamento térmico, da atividade muscular e da termogênese sem tremor de frio.

Controle vasomotor: o estímulo nervoso periférico, responsável por ativar o controle vasomotor e os processos metabólicos para regular o controle térmico. O recém-nascido conserva o calor através de vasoconstrição periférica e dissipa calor através da vasodilatação periférica.


CreativeCommons

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Portal Educação.

Comentários


colunista

Colunista Portal - Educação

O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.