artigo

quinta-feira, 13 de setembro de 2012 - 17:48

Tamanho do texto: A A

Sistema Muscular

por: Colunista Portal - Educação

O músculo é responsável por dar sustentação, movimento
O músculo é responsável por dar sustentação, movimento
O sistema muscular é responsável por dar sustentação, movimento ao corpo humano, auxiliar na produção de calor e nutrir o organismo em algumas situações extremas.

É composto por músculos e tendões. Encontramos no corpo humano dois tipos de músculos, o estriado e o liso.

O músculo estriado é formado por fibras que visualizadas no microscópio apresentam estrias transversais, são chamados de músculos da vida, pois permitam que nos relacionemos com o ambiente em que vivemos.

Tem a cor avermelhada e sempre estão ligados aos ossos através de dois tendões laterais, por isso são também chamados de musculoesqueléticos e se contraem por ação da nossa vontade.

O músculo liso se encontra nas paredes de órgãos ocos, tais como os vasos sanguíneos, na bexiga, no útero e no trato gastrointestinal. O músculo liso está presente nestes órgãos, pois, por contrações peristálticas controladas automaticamente pelo Sistema Nervoso Autônomo, tem o papel preponderante de impulsionar sangue, urina, esperma, bile.

As propriedades dos músculos são:
Elasticidade:
permite ao músculo retornar a sua forma natural.
Contratilidade: propriedade de se contrair por um impulso nervoso.

Existem músculos que auxiliam em importantes funções vitais, como por exemplo, o diafragma, que separa a cavidade abdominal da caixa torácica e contraem quando respiramos.

Há ainda músculos que utilizamos também para aplicação de medicações pela via intramuscular, como é o caso do deltoide e do glúteo.

É composto pelo sistema nervoso central, dividido em encéfalo e medula e o sistema nervoso periférico.

Sua função é perceber e identificar as condições ambientais externas, bem como as condições reinantes dentro do próprio corpo e elaborar respostas que adaptem a essas condições. Tem ainda uma função Sensorial, Integrativa e Motora.

É composto pela epífese, hipófise, tireoide, paratireoide, glândulas suprarrenais, pâncreas, ovários e testículos.

Suas principais funções são juntamente com o sistema nervoso, promover a manutenção do equilíbrio do organismo, ou seja, a homeostase, por meio do controle das funções biológicas.

Sistema Circulatório
Esse sistema é composto pelo coração e vasos sanguíneos como as artérias, veias e capilares.

Suas principais funções:
Transporte de oxigênio, nutrientes, hormônios para as células;
Remoção de produtos indesejáveis;
Defesa do organismo por meio do transporte de antitoxinas e glóbulos brancos;
Auxilia na manutenção da temperatura corporal.

Sistema Respiratório
Suas principais funções são
:
Efetuar trocas gasosas, ou seja, captar oxigênio e remover gás carbônico.
É composto pelas cavidades ou fossas nasais, faringe, laringe, traqueia, brônquios, alvéolos e pulmões.

Sistema Digestivo
Suas principais funções estão relacionadas com a digestão, realizando a quebra de alimentos, a absorção dos componentes nutritivos e eliminação de substâncias indesejáveis.

Seus principais componentes são: boca, língua, dentes, faringe, esôfago, estômago, intestino delgado, intestino grosso, reto e ânus. Possui glândulas anexas como as glândulas salivares, fígado e pâncreas.

É composto pelos rins, ureteres, bexiga e uretra. Suas principais funções estão relacionadas com a excreção de substâncias tóxicas, manter o equilíbrio hídrico e controlar os íons.

Sistema Genital Feminino
É composto pelos ovários, trompas, útero e vagina. Sua principal função está relacionada com a reprodução da espécie humana.

Sistema Genital Masculino
É composto pela bolsa escrotal, testículos, epidídimo, canal deferente, uretra, vesículas seminais, próstata e pênis.
Sua função é a mesma do sistema reprodutor feminino, ou seja, a reprodução.

Planos de Inscrição
São denominados também de planos de delimitação, pois delimitam o corpo humano por planos tangentes à sua superfície, os quais, com suas intersecções, determinam a formação de um sólido geométrico, um paralelepípedo.

Têm-se assim, para as faces desse sólido, os seguintes planos correspondentes:
Ventral ou anterior:
plano vertical tangente ao ventre;
Dorsal ou posterior: plano vertical tangente ao dorso;
Lateral direito: plano vertical tangente ao lado do corpo;
Lateral esquerdo: plano vertical tangente ao lado do corpo;
Cranial ou superior: plano horizontal tangente à cabeça;
Podal ou inferior: plano horizontal tangente à planta dos pés.

Eixos Ortogonais e Planos de Secção
A partir destes planos de inscrição são determinados eixos e planos que são utilizados como pontos de referência para descrever a situação, posição e direção de órgãos ou segmentos do corpo.

Unindo o centro de dois planos de inscrição opostos obtêm-se três eixos:
Eixo longitudinal ou craniocaudal;
Eixo anteroposterior, dorsoventral ou sagital;
Eixo laterolateral.

O deslocamento de um eixo sobre o outro define um plano que secciona o corpo em duas partes. Estes planos, perpendiculares entre si são chamados de planos de secção medianos ou sagitais, frontais ou coronais, transversais e horizontais.
CreativeCommons

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Portal Educação.

Comentários


colunista

Colunista Portal - Educação

O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.

Farmácia