CURSOS ONLINE GRÁTIS NA COMPRA DE UM DOS 1400 CURSOS ONLINE

Período de incubação do vírus HIV e da AIDS

Artigo por Colunista Portal - Educação - quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Tamanho do texto: A A

Alguns pacientes podem apresentar sintomatologia a partir de cinco dias
Alguns pacientes podem apresentar sintomatologia a partir de cinco dias
O período de incubação é definido como o tempo médio entre o contato com o agente etiológico (infecção) e o aparecimento das sintomatologias no organismo humano.

No caso específico do HIV, o período de incubação médio estimado e citado pelo Ministério da Saúde por meio do Departamento de DST/AIDS é de 3 a 6 semanas. Isso quer dizer que após a exposição ao vírus o paciente infectado começa a apresentar alguns sintomas como febre e mal-estar entre três a seis semanas, sendo que estes sintomas fazem parte da fase inicial da doença.

Alguns pacientes podem apresentar sintomatologia a partir de cinco dias, neste período, entretanto, é difícil o diagnóstico já que tais sintomas nem sempre são aparentes e constituem-se de difícil suspeita.

A produção de anticorpos é iniciada a partir de oito a doze semanas após a infecção pelo vírus HIV. Durante a fase assintomática, quando o paciente não apresenta sintomas, ocorre o que é definido como latência do vírus, que é a interação entre o sistema imune e as constantes e rápidas mutações do vírus.

Neste período os vírus HIV amadurecem e morrem de forma equilibrada, por este motivo esta fase geralmente é prolongada e pode durar até dez anos no organismo do paciente HIV positivo.

O período de incubação definido para a AIDS (a doença após a infecção do HIV) varia entre oito a dez anos, com histórico de pacientes com 15 anos infectados pelo HIV que diagnosticaram infecções oportunistas (características da AIDS) somente após este período.
CreativeCommons

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Portal Educação.

Comentários


colunista

Colunista Portal - Educação

O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.