CURSOS ONLINE GRÁTIS NA COMPRA DE UM DOS 1400 CURSOS ONLINE

Índice glicêmico e carga glicêmica de dietas consumidas por indivíduos obesos.

Artigo por Colunista Portal - Educação - segunda-feira, 22 de setembro de 2008

Tamanho do texto: A A

Objetivo
Avaliar o índice glicêmico e a carga glicêmica de dietas de indivíduos obesos.

Métodos
Trata-se de estudo retrospectivo, que analisou as fichas clínicas de 80 adultos obesos, acompanhados em um serviço privado localizado em Fortaleza, Ceará. Determinaram-se o índice glicêmico e a carga glicêmica da dieta. Para verificação da associação entre índice glicêmico e carga glicêmica, e dessas variáveis com a ingestão energética diária e com o índice de massa corporal dos indivíduos, utilizou-se o teste de correlação de Pearson.
O teste “t” de Student foi utilizado para verificar diferenças entre os dois índices e o sexo. Em ambos os testes adotou-se p<0,05 como nível de significância.


Resultados
Verificou-se predomínio de índice glicêmico inadequado (moderado ou alto) no desjejum (82,9%), no lanche vespertino (60,0%) e no jantar (64,6%). O índice glicêmico diário foi inadequado para 78,7% do grupo e predominantemente moderado conforme a média encontrada (59,23), porém menos inadequado que a carga glicêmica diária, que foi alta (143,8), e pior, no sexo masculino. O índice de massa corporal do grupo, em geral e segundo o sexo, não foi associado com quaisquer dos dois índices. A ingestão energética diária associou-se apenas com a carga glicêmica, seja em geral ou considerando o sexo.

Conclusão
Os resultados apontam para uma maior importância da carga glicêmica na avaliação dietética desta clientela, sugerindo a inclusão de sua determinação na rotina de atendimento.

Acesse o artigo completo pelo link de seu título logo abaixo.


CreativeCommons

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Portal Educação.

Comentários


colunista

Colunista Portal - Educação

O Portal Educação possui uma equipe focada no trabalho de curadoria de conteúdo. Artigos em diversas áreas do conhecimento são produzidos e disponibilizados para profissionais, acadêmicos e interessados em adquirir conhecimento qualificado. O departamento de Conteúdo e Comunicação leva ao leitor informações de alto nível, recebidas e publicadas de colunistas externos e internos.