CURSOS ONLINE GRÁTIS NA COMPRA DE UM DOS 1400 CURSOS ONLINE

Degradação do solo um problema com graves consequências

Artigo por Samara Rodrigues Machado - quinta-feira, 21 de junho de 2012

Tamanho do texto: A A

O solo é um recurso natural básico
O solo é um recurso natural básico
O solo é um recurso natural básico, sendo fundamental para os ecossistemas e os ciclos naturais. É um dos mais importantes devido a todos os seres vivos estarem sobre ele e todo sustento humano ser retirado dele. É um minério renovável, pois pode ser usado diversas vezes.

Degradação do solo consiste em tudo aquilo que está relacionado à destruição do solo como exemplo, erosão, empobrecimento do solo, contaminação e desertificação são considerados um dos problemas mais graves.

Então quando degradado o solo perde a capacidade de produção, mesmo com grande quantidade de adubo não se é possível mais a produção de grandes quantidades comparadas à produtividade de um solo não degradado. A degradação pode ser provocada por intemperais variados como, por exemplo, a ação de elementos químicos resultantes na perda de nutrientes, acidificação e salinização, fatores físicos como perda de estrutura e diminuição de permeabilidade, fatores biológicos como diminuição de matéria orgânica entre outros agentes.

Recebendo destaque a erosão, caracterizada pela destruição física das estruturas do solo, que pode ser realizado pela água e pelo vento recebendo os nomes de erosão hídrica e erosão eólica respectivamente. Porém o processo de erosão mais grave para a degradação do solo é realizado pelo ser humano provocado pelas suas atividades, erosão antropogênica, que é mais rápida que a erosão natural, além disso, a erosão natural é benéfica para a fertilidade do solo.

Contaminação do solo também ocorre por descargas acidentais ou voluntárias de poluentes no solo, deposição de resíduos que podem ser perigosos, lixeiras e aterros sanitários não controlados. O uso do solo para atividades agrícolas, pecuária e industrial tem gerado sérias consequências para o solo, contribuindo ativamente para sua contaminação.

O ranking por país por população rural afetada com a degradação do solo é China em primeiro lugar com 457 milhões de pessoas afetadas, Índia em segundo, com 177 milhões de pessoas afetadas, Indonésia com 86 milhões de pessoas, Bangladesh com 72 milhões e em quinto lugar Brasil com 46 milhões de pessoas afetadas.

As possíveis soluções para diminuir este problema são o reflorestamento, praticar o cultivo alternado ou policultura, fazer a recuperação do solo no lugar de desmatar novas áreas e o planejamento rural que consiste em racionalizar o uso da terra segundo as suas aptidões naturais, visando o manejo adequado e a conservação do solo, além de benefícios econômicos. O uso racional do solo é um plano de exploração das terras sem desgastar a riqueza dos seus recursos e diminuir sua produtividade.

CreativeCommons

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Portal Educação.

Comentários


colunista

Samara Rodrigues Machado

Acadêmica do 4° ano de Ciências Biológicas da Universidade Estadual de Goiás Unidade Universitária de Palmeiras de Goiás.